domingo, novembro 15, 2020

Candidato a vereador e esposa são presos em Parnaíba acusados de compra de voto

Foto Divulgação/Polícia Federal de Parnaíba
Parnaíba - A Polícia Federal deflagrou a Operação Voo da Madrugada para combater crimes de disseminação de propaganda no dia das eleições e a compra de votos. Durante a operação a PF prendeu em flagrante um candidato a vereador e sua esposa cometendo crime de compra de voto. Com eles, foram apreendidos R$ 40 mil que, segundo a PF, seria usado para captação ilícita de sufrágio, além de vasto material de campanha eleitoral.

Os dois foram encaminhados para o presídio. Os demais que foram presos espalhando santinhos pela cidade poderão responder em liberdade.
Candidato a vereador de Parnaíba e a esposa foram presos pela Polícia Federal | Foto: Divulgação/PM de Parnaíba-PI
Outras seis pessoas foram presas em Parnaíba, litoral piauiense, por fazerem propaganda política irregular com derramamento e espalhamento de santinhos contendo informações de candidatos durante o pleito municipal que acontece hoje (15). Além destas pessoas, um casal também foi preso portando R$ 40 mil para compra de votos. Trata-se de um candidato a vereador em Parnaíba e sua esposa.

As ações fazem parte da Operação Voo da Madrugada que foi deflagrada neste domingo (15) em Parnaíba com o objetivo de prevenir e reprimir crimes de compra de votos e derrame de santinhos em locais públicos próximos às sessões de votação. A prática é considerada crime eleitoral e quem for pego cometendo o ato pode responder com até quatro anos de reclusão.
Em poder dos autuados foi apreendido valor superior a R$ 40 mil, além de vasto material de propaganda eleitoral.| Fotos: Divulgação Polícia Federal de Parnaíba
A Operação Voo da Madrugada mobiliza 30 policiais federais de Parnaíba que executam o monitoramento e a vigilância ambiental com emprego de viaturas e drones. A ação começou à noite e segue por todo o dia de hoje.

Obs.: A Policia Federal não costuma divulgar o nome das pessoas presas durante suas operações. 

Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------