Mostrando postagens classificadas por data para a consulta vigia do CRAS. Classificar por relevância Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens classificadas por data para a consulta vigia do CRAS. Classificar por relevância Mostrar todas as postagens

sábado, fevereiro 08, 2020

PM captura 8º acusado de latrocínio do vigia do CRAS Mendonça Clark

Nenhum comentário:
Nove pessoas envolvidas no crime sendo que 8 já foram presas e um ainda está foragido.
O 8º envolvido denunciado pelo Ministério Público de Parnaíba foi capturado no dia que o crime completou 1 ano. A prisão foi efetuada pela patrulha do sargento Farlon Machado.

Raimundo Ricardo da Silva Filho, 21 anos, conhecido por “Kadu”, natural de Brasília-DF, deu entrada na Central de Flagrantes de Parnaíba nesta manhã de sábado (08), por força de mandado de prisão expedido pela 1ª Vara Criminal de Parnaíba.

CRAS Mendonça Clark, local onde o vigia foi assassinado
Clique AQUI e saiba tudo sobre o latrocínio do vigia do CRAS Mendonça Clark.

“Kadu” foi o penúltimo denunciado pelo MP no crime do latrocínio que ainda não tinha sido preso.

A vítima Sr. Antônio Laurindo Gonçalves Filho era o vigia do CRAS Mendonça Clark, foi assassinado na madrugada do dia 08 de Fevereiro do ano passado em seu local de trabalho. 09 pessoas foram indiciadas, sendo uma mulher e 07 homens. 

Mandado de prisão expedido pela 1ª Vara Crinal de Parnaíba
O delegado Igor Rocha Gadelha, da Divisão de Homicídios do litoral do Piauí, relatou que foram 9 pessoas envolvidas no crime, que 'um acusado' ainda está foragido.
Jornal da Parnaíba com informações do Portal do Catita

quinta-feira, março 07, 2019

7º acusado do crime de latrocínio contra o vigia do CRAS é preso pela Polícia Civil em Parnaíba-Pi

Nenhum comentário:

A Polícia Civil do Estado do Piauí, por intermédio da Delegacia de combate a Homicídios, Tráfico de Drogas e Latrocínio (DHTL) prendeu na tarde desta quinta-feira (07/03/2019) o nacional André Luis Silva Sousa(18 anos), por envolvimento no Latrocínio do vigia Antônio Laurindo Gonçalves, fato ocorrido no dia 08 de fevereiro de 2019, no CRAS do bairro Mendonça Clark, em Parnaíba.

André Luis foi encaminhado para a Central de Flagrantes de Parnaíba, onde em seguida será encaminhado para audiência de custódia.

André Luis é o sétimo envolvido na morte do vigia Antonio Laurindo Gonçalves Filho.

Clique denúncia:bit.ly/denunciapcphb

A Polícia Civil aproveita o ensejo para solicitar à população local a realização de denúncias anônimas de crimes, medida esta que tem surtido efeito e traz benefícios a sociedade. Para denunciar basta clicar no link acima e preencher os campos.

Jornal da Parnaíba

6º acusado de crime de latrocínio contra o vigia do CRAS é preso pela Polícia Civil em Parnaíba-Pi

Nenhum comentário:


A Polícia Civil do Estado do Piauí, por intermédio da Delegacia de combate a Homicídios, Tráfico de Drogas e Latrocínio (DHTL) deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva em desfavor de Marcelo Vale Ramos o qual é um dos suspeitos de envolvimento no Latrocínio do vigia Antônio Laurindo Gonçalves, fato ocorrido no dia 08 de fevereiro de 2019, no CRAS do bairro Mendonça Clark, em Parnaíba.

A prisão de Marcelo Vale Ramos foi efetuada na manhã de hoje (07/03/2019), após cumprimento de diligências investigativas por parte dos policiais civis lotados na DHTL.

Marcelo Vale Ramos foi encaminhado para a Central de Flagrantes de Parnaíba, onde em seguida será encaminhado para audiência de custódia.
Com a prisão de Diones e Marcelo, sobe para seis o número de pessoas postas a disposição da justiça por envolvimento no crime, sendo estas Maycon Douglas Araújo da Silva, Estefany Lima de Carvalho, Francisco Thiago Alvares e Diones de Carvalho Santos, além da apreensão da adolescente de iniciais N. A. C.

Clique denuncia:bit.ly/denunciapcphb

A Polícia Civil aproveita o ensejo para solicitar à população local a realização de denúncias anônimas de crimes, medida esta que tem surtido efeito e traz benefícios a sociedade. Para denunciar basta clicar no link acima e preencher os campos.

Jornal da Parnaíba

sábado, março 02, 2019

Presos mais dois acusados do latrocínio de vigia do CRAS em Parnaíba

Nenhum comentário:
Um foi preso no povoado Placa na zona rural de Araioses (MA) e o segundo no Bairro Mendonça Clark, em Parnaíba (PI).
Francisco Tiago Alves e Diones Carvalho dos Santos, acusados de latrocínio
A Polícia Civil do Estado do Piauí, por intermédio da Delegacia de Combate a Homicídios, Tráfico de Drogas e Latrocínio (DHTL) e Núcleo de Inteligência da Planície Litorânea, com o apoio da Polícia Militar do Maranhão deram cumprimento a dois mandados de prisão preventiva, expedidos em desfavor de Francisco Tiago Alves e Diones Carvalho dos Santos, suspeitos de envolvimento no Latrocínio do vigia Antônio Laurindo Gonçalves, ocorrido em 08 de fevereiro de 2019, no CRAS do bairro Mendonça Clark, em Parnaíba.

Prisão de foragidos da justiça de Parnaíba:

A prisão de Francisco Tiago Alves, foto ao lado, foi efetuada nas primeiras horas da tarde de desta sexta-feira (01/03/2019), após levantamentos realizados por investigadores da Polícia Civil de Parnaíba, nas imediações do conjunto João Paulo II, no bairro Mendonça Clark, na cidade de Parnaíba, no litoral piauiense. 

A prisão de Diones de Carvalho dos Santos, 21 anos, foto ao lado, foi realizada no povoado Placas, na zona rural do município de de Araióses no estado do Maranhão, após abordagem realizada por Policiais Militares lotados naquela cidade, que entraram em contato com policiais do Piauí e confirmaram a existência de mandado de prisão em aberto. Após realizada a prisão de Diones, foi destacada uma equipe de Parnaíba para o recambiamento do mesmo. 

Ambos indivíduos foram encaminhados para a Central de Flagrantes de Parnaíba, onde permanecerão aguardando a realização de audiência de custódia, após a qual serão possivelmente encaminhados à Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina desta cidade. 

Com a prisão de Diones e Francisco, sobe para cinco o número de pessoas postas a disposição da justiça por envolvimento no crime, sendo estas Maycon Douglas Araújo da Silva e Estefany Lima de Carvalho, além da apreensão da adolescente de iniciais N. A. C. 

Clique AQUI e confira matérias sobre o latrocínio do vigia do CRAS Mendonça Clark.

A Polícia Civil aproveita o ensejo para solicitar à população local a realização de denúncias anônimas de crimes, medida esta que tem surtido efeito e traz benefícios a sociedade. Para denunciar basta clicar no link acima e preencher os campos.

Jornal da Parnaíba

domingo, fevereiro 10, 2019

Polícia já prendeu cinco dos oito acusados do latrocínio do vigia

Nenhum comentário:
A bicicleta do vigia estava em poder de uma jovem que participou do crime.
Bicicleta roubada do vigia Antônio Laurindo Gonçalves.
Cinco pessoas, todos jovens, foram presos, pela Polícia Militar (PM), no sábado, acusados na participação do assassinato do vigilante Antônio Laurindo Gonçalves, de 57 anos, na madrugada de sexta-feira (08), no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) que fica na rua 7 de janeiro no Bairro Mendonça Clark, em Parnaíba.

Após tomar conhecimento do crime, uma guarnição militar, composta pelo tenente Daniel e pelo sargento Farlon Machado, iniciou investigações. Ao saber que um dos autores do assassinato seria um jovem apelidado de "Zé Galinha", o sargento Farlon Machado recordou que dispunha da cópia de um mandado de prisão em desfavor de Mateus Ferreira dos Santos, de 22 anos, que tem esse apelido, e seu endereço fica no rua Vera Cruz, no bairro São José. Na rua Vera Cruz, e lá os militares efetuaram a prisão de Mateus.

Matérias relacionadas:
Após a prisão de duas mulheres acusadas de participar do crime sendo uma delas menor de idade, uma guarnição da Polícia Militar, comandada pelo sargento Jesus Carvalho, foram até um esconderijo em uma casa abandonada às margens do rio Igaraçu, apontado por Tainara Santos Lima e prenderam Bryan de Araújo Veras, 22 anos, suspeito na participação da morte do vigilante. No momento da prisão os policiais tiveram que conter a ação de moradores que revoltados tentavam linchar Bryan que é foragido da Colônia Agrícola Penal Major César Oliveira. Ele foi algemado e levado para Penitenciária Mista de Parnaíba, onde Lauro Pio forneceu o mandado de prisão contra Bryan.
Outro acusado preso foi Maicon Douglas Araújo. Ele foi encontrado na própria residência, que fica na Rua Travessa Luís Correia, no bairro Mendonça Clark. Ele conduzido para a Central de Flagrantes de Parnaíba.

Tainara foi denunciada pela própria mãe que entrou em contato com o quartel, via Copom, relatando que sua filha tinha chegado em casa lesionada e com uma bicicleta que pertencia ao vigia assassinado. Após a prisão, Tainara confessou o crime e deu o nome dos outros sete participantes.

Por José Wilson | Jornal da Parnaíba

Multidão acompanha cortejo fúnebre do vigia Laurindo

Nenhum comentário:
Uma multidão que contou com familiares, amigos e moradores de Ilha Grande de Santa Isabel participaram do cortejo e sepultamento do vigia municipal Antônio Laurindo Gonçalves, 57 anos. 

O prefeito de Parnaíba, Mão Santa, a secretária de Desenvolvimento Social e Cidadania, Adalgisa Moraes Souza, além de integrantes da Ronda Patrimonial e demais servidores do município também acompanharam o funeral que ocorreu sob forte comoção. Seu Laurindo foi brutamente assassinado na madrugada da última sexta-feira (08), durante um assalto ao local onde ele trabalhava, no Centro de Referência de Assistência Social (Cras), do bairro Mendonça Clark, em Parnaíba, PI.

Ele era casado com a presidente da Associação dos Artesãos em Trançados da Ilha Grande de Santa Isabel, Serrate Maria Souza Gonçalves, artesã conhecida internacionalmente. Durante o velório, chorando muito e extremamente abalados, os familiares do seu Laurindo pediram ao prefeito Mão Santa que ele não permita que o crime fique impune. 
Conforme relatos de uma das envolvidas no assassinato do vigia, o crime foi praticado por um grupo de oito meleiantes, entre eles, duas mulheres. Um eles havia sido solto da prisão um dia antes outro era foragido da Penitenciária Major César, em Teresina.

Por Luzia Paula, com fotos de Gleitowney Miranda | Edição: Jornal da Parnaíba

sexta-feira, fevereiro 08, 2019

Polícia prende acusado da morte do guarda do CRAS Mendonça Clark

Nenhum comentário:
Bryan de Araújo Veras, acusado de latrocínio contra o vigia do Cras Mendonça Clark
O indivíduo identificado como Bryan de Araújo Veras, 22, foragido da Penitenciária Major César Oliveira e que estava refugiado em uma casa abandonada às margens do rio Igarçu, no Bairro São José, em Parnaíba foi preso na tarde desta sexta-feira (08) por uma guarnição da Polícia Militar, comandada pelo sargento Jesus Carvalho. Bryan é acusado de ser um dos autores do latrocínio do guarda municipal Antônio Laurindo Gonçalves, 57 anos, que residia na Ilha Grande de Santa Isabel onde também tinha um comércio.

Antônio Laurindo foi encontrado morto com perfurações a faca no seu estabelecimento de trabalho, o CRAS - Centro de Referência de Assistência Social do bairro Mendonça Clark, em Parnaíba.

As investigações da Polícia Civil apontam Bryan e sua parceira com mais uma amiga identificada por Nicole, que já conheciam o Sr. Antônio Laurindo, como os autores do latrocínio juntamente com mais outros seis comparsas de crime identificados apenas como Jonhny, Cadu, Paulistinha, Maicon, Marcelo e "Negão". Eles levaram apenas um botijão de gás e a bicicleta da vítima. 

Quando a polícia chegou ao esconderijo foi preciso conter os moradores que revoltados tentavam linchar o Bryan. Ele foi algemado e levado para a central de Flagrante e posteriormente a Penitenciária Mista de Parnaíba, já que existe um mandado de prisão decorrente de outros crimes praticados por Bryan.

Cheiro do queijo: Duas mulheres pediram água para o vigia e na hora em que ele abriu o portão um grupo de marginais invadiram e mataram o guarda. A parceira do Bryan confessou e entregou todos da quadrilha. Ela confessou ainda que quem enfiou a faca no vigia foi o "Negão" que estava preso e teria sido solto ontem. A polícia acredita que todos estavam drogados no momento do Crime.

Por José Wilson | Jornal da Parnaíba

Latrocínio: Vigia do CRAS Mendonça Clark é morto na madrugada

Nenhum comentário:
Os bandidos levaram apenas o botijão de gás e a bicicleta da vítima.
A Polícia Militar, através do COPOM - Centro de Operações Policiais Militares, foi acionada nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (8), para atender ocorrência em um prédio público na Rua 7 de Janeiro, que abriga o CRAS - Centro de Referência de Assistência Social do bairro Mendonça Clark, em Parnaíba, onde um vigilante identificado pelo nome de Antônio Laurindo Gonçalves, 57 anos, que residia na Ilha Grande de Santa Isabel, foi encontrado morto e o corpo ensanguentado.

A informação preliminar é que o vigilante teria reagido durante um roubo, ele teria entrado em luta corporal já que o local está com móveis revirados e foi levado o botijão de gás de cozinha e a bicicleta da vítima. Um revólver possivelmente calibre 32, foi encontrado embaixo da perna da vítima. Ao que parece o revólver não foi usado.
Informações repassadas a Polícia por populares dão conta de que dois suspeitos já identificados estariam na companhia da vítima antes do crime.

Os peritos do Instituto de Criminalística fizeram o levantamento da cena do crime para determinar a dinâmica da morte do vigia, em seguida o carro tumba do IML (Instituto Médico Legal) fez a remoção do corpo para elaboração da necrópsia. Posteriormente o corpo será liberado para a família realizar os funerais.
Segundo informações, o Sr. Laurindo é dono do Recanto da Amizade no Bairro Ilha Grande de Santa Isabel.
Alguns móveis estavam revirados, indício de que houve luta corporal




Um revólver calibre 32, foi encontrado embaixo da perna da vítima. 
Por José Wilson | Jornal da Parnaíba

sexta-feira, dezembro 23, 2016

Bandidos tentam arrombar Correios e fogem da polícia

Nenhum comentário:
Um grupo foi flagrado pela Polícia Militar tentando arrombar a agência dos Correios do município de Luís Correia, por volta das 02h desta quinta-feira (22/12) no centro da cidade. Segundo informações da Polícia Militar, cinco homens em um Ford Fiesta Hatch tentaram arrombar o prédio para posterior invasão; porém uma guarnição da Companhia Independente de Policiamento Turístico (CIPTUR) se aproximou e os bandidos desistiram da ação. Rapidamente o bando fugiu.

Os criminosos danificaram grades e câmera de segurança, quebraram vidros; mas não teve acesso as instalações internas do prédio. O mesmo grupo ainda tentou rendeu o vigia do Centro de Referencia da Assistência Social (CRAS) do município; mas não conseguiu. A intervenção criminosa levou os policiais a crer que a Polícia Militar está sendo também monitorada; mas ação ostensiva frutou o trabalho daqueles bandidos.




Por Daniel Santos/PCN
Edição: José Wilson | Jornal da Parnaíba
---------------------------------
-------------------------------