quinta-feira, janeiro 14, 2021

Urgente: Trinta pacientes de Manaus com covid-19 serão transferidos para Teresina

Hospital Universitário da UFPI

O GP1 apurou que os pacientes serão trazidos pelo avião da Força Aérea Brasileira (FAB). A aeronave deve chegar por volta das 11 horas.

O Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (HU/UFPI) vai receber, nesta quinta-feira (14), 30 pacientes de Manaus, capital do Amazonas, que está vivendo uma segunda onda do novo coronavírus (covid-19). O transporte será feito pelo avião da Força Aérea Brasileira (FAB) e a previsão de chegada é às 11 horas.

O GP1 confirmou a informação com o médico Gilberto Albuquerque, presidente da Fundação Municipal de Saúde, que afirmou ainda que a Prefeitura dará todo o suporte relacionado à logística. "Todos eles irão para o HU, são 30 pacientes, estamos esperando o pessoal avisar que horas vão sair de lá, para saber que horas chegam aqui", declarou.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) municipal será o responsável pela remoção dos pacientes do aeroporto para o HU. Foram disponibilizadas duas ambulâncias de suporte avançado e quatro de suporte básico para fazer a transferência.

Crise no Amazonas

O estado do Amazonas vive a segunda onda da covid-19 e os hospitais de Manaus estão à beira do colapso por conta do aumento descontrolado no número de infectados.

A prefeitura de Manaus decidiu não liberar as escolas municipais para realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e a Justiça Federal do Amazonas mandou suspender a realização exame no Estado até fim do estado de calamidade pública decretado pelo governador Wilson Lima (PSC).

Nova variante

Na terça-feira (12), uma nova variante do coronavírus que causa a covid-19 foi encontrada no Amazonas, segundo informações divulgadas pela Fiocruz Amazônia.

Trata-se da mesma variante que chegou ao Japão após viajantes passarem pelo estado. E, também de acordo com o pesquisador e vice-diretor da instituição, Felipe Naveca, apresenta uma série de mutações vistas pela primeira vez.

No domingo (10), o governo japonês anunciou que as autoridades de saúde do país encontraram a variante do vírus em quatro viajantes que estiveram no Amazonas e voltaram ao Japão em 2 de janeiro.

Pará proíbe entrada de pessoas do Amazonas

O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), postou em seu Twitter, nesta quarta-feira (13), que vai proibir a circulação de embarcações com passageiros entre o Amazonas e o Pará. Segundo o anúncio, é uma medida preventiva para conter o contágio do novo coronavírus e assim frear o avanço da pandemia no estado.

Fonte: Wanessa Gomes GP1 l Edição: Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------