quarta-feira, outubro 02, 2019

Inteligência da Sejus intensifica fiscalização e apreensão de materiais ilícitos em Parnaíba

A ação faz parte da novos procedimentos de disciplina adotados na unidade prisional. Segundo a Secretaria de Justiça do Piauí, as oito mulheres foram presas com materiais ilícitos no período de 40 dias.
Foto: Thanandro Fabrício
Com o objetivo de fortalecer a ordem e a disciplina, a Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina, em Parnaíba, adotou, nos últimos meses, novos procedimentos e rotinas carcerárias. Entre eles, está o reforço na fiscalização das visitas e apreensão de materiais ilícitos na unidade, desenvolvido pelos agentes penitenciários do presídio.

Segundo o diretor de Inteligência da Sejus, delegado Charles Pessoa, o aprimoramento do controle de acesso na unidade tem gerado bons resultados. “A Sejus está realizando um trabalho intenso de fiscalização de visitantes. Já identificamos alguns visitantes tentando entrar na unidade com material ilícito, como drogas e celulares, e a Diretoria de Inteligência, com o efetivo da unidade de Parnaíba, realizou esse trabalho que resultou na apreensão de oito mulheres no intervalo de cerca de 40 dias”, diz o gestor.

Charles reforça o compromisso das equipes de inteligência da Sejus em aprimorar cada vez mais a fiscalização, com o intuito de fortalecer a segurança nas unidades penais. “Se tentarem entrar com entorpecentes ou outros materiais não permitidos em qualquer uma das unidades prisionais, nós iremos identificar e fazer a apreensão”, afirma o delegado.

O secretário de Estado da Justiça, Carlos Edilson, destaca o papel dos agentes penitenciários para o êxito desse trabalho. “Parabenizamos os agentes que desenvolvem diariamente esse trabalho com muito empenho e compromisso. Vamos continuar fortalecendo esse trabalho”, frisa. o gestor

Edição: José Wilson | Jornal da Parnaíba
INFORME PUBLICITÁRIO

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------