quinta-feira, junho 29, 2017

Três agentes são presos por repassar drogas e celulares a detentos em Parnaíba

Três agentes da Penitenciária Mista Juiz João Nonon de Moura Fontes Ibiapina são presos acusados de corrupção.
Francisco José dos Santos, Marcelo Oliveira da Costa e José Maria Vieira Sobrinho
O Grupo de Combate ao Crime Organizado (Greco) prendeu na manhã desta quinta-feira (29/06) três agentes penitenciários da Penitenciária mista Juiz João Nonon de Moura Fontes Ibiapina, durante a Operação Penitentes. Há três meses os agentes penitenciários estavam sendo investigados até que foi decidida a prisão temporária de Marcelo Oliveira da Costa e Francisco José dos Santos, o “Professor”.

Matérias relacionadas:
Secretário Fábio Abreu participou da Operação Penitentes, em Parnaíba
Ainda havia uma condução coercitiva em desfavor de José Maria Vieira Sobrinho que acabou sendo preso em flagrante. Os policiais chefiados pelo delegado Laércio Evangelista descobriram que José Maria tinha vendido um celular ontem (28/06) à noite para um detento no valor de R$ 150,00 e o dinheiro. O preso delatou o agente penitenciário que acabou também confessando. Os três agentes presos estão sendo investigados por crimes de corrupção ativa e passiva e foram levados para a Central de Flagrantes.

O secretário Fábio Abreu disse que na operação foram executados 13 mandados de busca e apreensão e presos  agentes penitenciários de Parnaíba e um traficante de drogas. Os agentes penitenciários foram acusados de participação em tráfico de drogas e recebimento de propinas para facilitar fugas  de detentos, informou o secretário estadual de Segurança Pública.

Por Daniel Santos/PCN | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário