quinta-feira, junho 29, 2017

Central de Flagrantes de Parnaíba recebe presos na Operação Penitentes

Presos pela Polícia Civil na “Operação Penitentes”, deflagrada na manhã desta quinta-feira, acusados de tráfico de drogas deram entrada na central de flagrantes em Parnaíba.
Antônio José dos Santos e um adolescente com idade de 17 anos. 
Logo nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (29), policiais civis lotados na delegacia regional de Parnaíba, conduziram varias presos para a carceragem da Central de Flagrantes acusados no crime de tráfico de drogas. Cerca de sessenta homens da polícia civil e militar estão divididos em quinze equipes, estão envolvidos na operação para cumprir 13 mandados de prisão e 10 de condução coercitiva.

Das quinze equipes envolvidas na operação a primeira deu entrada naquela distrital com Antônio José dos Santos, 26 anos, Maria Jose de Brito Silva, 28 anos, e um adolescente com idade de 17 anos. Durante a busca e apreensão a polícia apreendeu um tablete de maconha pesando cerca de 1kg, 3 munições intactas, balança de precisão, muito dinheiro trocado, celulares, tablet, vários chip´s, pen drives e outros apetrechos característicos do tráfico de drogas. 

A segunda equipe a dar entrada na Central de Flagrantes trouxe preso um jovem identificado como Elísio Bruno Alves dos Santos, 26 anos, procedente do bairro Frei Higino/Piauí.


Do material apreendido em sua posse a polícia contabilizou R$ 770 reais em dinheiro trocado, 14 papelotes de uma substância análoga a cocaína, um rolo de papel alumínio, além de um aparelho celular.
Maria Jose de Brito Silva
Logo a seguir chegou a terceira equipe conduzindo um sujeito que ainda não teve o nome revelado e tão pouco o fato da acusação que o levou ao Distrito Policial.

A polícia ainda liberou imagens dos agentes penitenciários presos pela Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco).  As prisões estão sendo coordenadas pelo delegado regional Eduardo Ferreira
Elísio Bruno Alves dos Santos
O Secretário de Segurança Fábio Abreu está em Parnaíba para dar apoio às operações. Segundo ele, o combate ao tráfico de entorpecentes visa reduzir também o número de homicídios. "É uma característica daqui: a maioria dos homicídios estão ligados ao tráfico de drogas", comentou o secretário. Segundo ele, dos 11 homicídios que estavam sendo investigados pelas delegacias do litoral, oito já foram solucionados. 
O delegado Eduardo Aquino, titular da recém-inaugurada Delegacia de Entorpecentes de Parnaíba, afirma que quatro pessoas já foram presas e um adolescente foi apreendido. De acordo com o delegado, o menor era um dos principais alvos da Operação. “É contumaz na venda de entorpecentes, e é fugitivo do CEM (Centro Educacional Masculino) de Parnaíba”, disse o delegado.
Delegado regional Eduardo Ferreira
Jornal da Parnaíba
Postar um comentário