quarta-feira, março 10, 2021

Relembre algumas das personalidades parnaibanas que faleceram vítimas de Covid-19

In memoriam
O número de mortes por Covid-19 em Parnaíba já se aproxima dos 200. Conforme dados do último boletim epidemiológico do município, a Capital do Delta até o momento registra 195 óbitos. Nesta quarta-feira (10), os parnaibanos foram surpreendidos com a notícia de mais uma vítima da enfermidade, dessa vez o conhecido jornalista Leno Childes.

Em memória de todos os parnaibanos vítimas deste vírus letal, a Redação do Jornal da Parnaíba traz a seguir, de forma cronológica, um pequeno tributo representado por ilustres personalidades do litoral que também integram esta triste estatística.

* 30 DE MARÇO DE 2020: Oderman Bittencourt
Dono da Delta Laticínios. Bittencourt foi o primeiro parnaibano a perder a batalha contra a doença. A morte do empresário ocorreu cercada de mistérios e polêmica, com relatos de que ele teria em áudio implorado para tomar cloroquina, pedido que teria sido negado. Bittencourtt morreu em Teresina.

01 DE JULHO DE 2020: Francisco Xavier Mendes Lima

O médico cardiologista Francisco Xavier Mendes Lima, de 72 anos, contraiu a doença e teria vindo a óbito por complicações do coronavírus ao sofrer um infarto. Ele deu entrada na UTI do Hospital Unimed Primavera, em Teresina, com 30% dos pulmões comprometidos. Segundo amigos próximos da família, Francisco Xavier sofria de algumas comorbidades, entre elas graves problemas cardíacos.

* 17 DE JANEIRO DE 2021: Kléber Lima
O ator e cinegrafista Kléber Lima passou mais de uma semana internado na UTI do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (Heda) e não resistiu às complicações da doença. Kléber Lima ficou conhecido ao interpretar o personagem bíblico Jesus Cristo na Via Sacra de Parnaíba. Ele também foi diretor de teatro e trabalhou na produção da TV Delta.

* 24 DE JANEIRO DE 2021: Hélio Bezerra
O cerimonialista, promoter e fotógrafo parnaibano Hélio Bezerra faleceu na UTI Heda após lutar por vários dias contra a Covid-19. Pelas redes sociais, amigos, familiares e comunicadores do litoral piauiense manifestaram grande comoção pela partida inesperada de Hélio, uma pessoa bastante conhecida e muito bem quista em toda a região da planície litorânea.

* 08 DE MARÇO DE 2021: Raimundo da Parnaíba
O técnico em radiologia Raimundo Nonato Gonçalves de Sousa. Sousa estava internado na UTI do Heda e acabou falecendo aos 51 anos de idade.

Ele era irmão do ex-vereador de Parnaíba, Joãozinho Unimagem e era muito conhecido na cidade em virtude dos atendimentos de exames na área de saúde.

* 10 DE MARÇO DE 2021: Leno Childes
O jornalista Childes Veras Galeno, mais conhecido como Leno Childes. Leno também não resistiu às complicações da Covid-19 e veio a óbito no final da manhã desta quarta-feira (10), no Heda. A notícia do falecimento causou grande comoção na cidade.

Leno Childes era radialista na Rádio Liderança de Parnaíba, apresentador do Bingo Trevo da Sorte e também já foi repórter da TV Delta e assessor de imprensa do Heda. Com voz marcante, era muito conhecido na região norte do Estado e deixou um grande legado para a comunicação parnaibana.

Da Redação do Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------