terça-feira, janeiro 05, 2021

Desobstrução de acesso a Barra Grande coberto por dunas pode levar até 15 dias

Acesso à cidade de Cajueiro da Praia (PI) está prejudicado desde o fim de semana
(Imagem: Polícia Militar do PI/Divulgação)
O acúmulo de areia em um trecho da PI-116, causado pela movimentação de dunas, vem dificultando o acesso de moradores e turistas ao município de Cajueiro da Praia (PI), um dos principais atrativos do verão no litoral piauiense. Desde o fim de semana, a areia das dunas cobriu parte da estrada, e o tráfego de veículos ficou prejudicado. Segundo o DER (Departamento de Estradas e Rodagens), a desobstrução da PI-116 durará entre 10 e 15 dias por conta da quantidade de areia acumulada no local. O serviço foi iniciado hoje

O órgão informou que é comum que a areia se movimente para a estrada, mas que há uma empresa que faz a remoção do material para não prejudicar o tráfego de veículos. Entretanto, o serviço foi paralisado porque os responsáveis pelas máquinas estão internados acometidos pela covid-19. O problema começou a ser relatado no fim de semana quando vários turistas se depararam com a invasão de areia na pista, e ocorreu engarrafamento ao longo da PI-116 — não havia nenhuma autoridade de trânsito para ordenar a passagem dos veículos devido aos trechos tomados pelas dunas. Os carros estão passando por mão única, pelo meio da estrada.

A advogada Carolina Santos contou que passou quase duas horas com o carro parado na manhã do sábado tentando chegar à casa de veraneio dos avós, localizada em Cajueiro da Praia. Ela criticou a falta de cuidado com o local, pois neste período do ano recebe muitos turistas.

"Pior que a PI-116 é o único acesso ao município, não há vias alternativas porque a área é de dunas. Foi muito estressante ficar esperando a boa vontade dos motoristas se organizarem para passar cada um por vez e, isso não ocorreu, na maioria das vezes, pois não se tem educação no trânsito.
Serviço de remoção de areia foi paralisado porque responsáveis
pelas máquinas estão internados acometidos pela covid-19
(Imagem: Polícia Militar do PI/Divulgação)
A viagem que deveria durar 1:40, acabou com quase quatro horas. Se sabem que as dunas invadem, por que deixaram chegar a esse ponto?", questionou. O Governo do Piauí informou que a Política Militar está no local organizando o trânsito de veículos que passam pelos trechos parcialmente interditados pelas dunas. A PM ficará nos trechos até que a situação seja normalizada e o trânsito de veículos volte a fluir normalmente.

"Temos um contrato com uma empresa de locação de máquinas exclusivamente para fazer esse serviço, mas os dois proprietários estão hospitalizados com covid-19, por isso não tiveram condições de realizar o trabalho neste final de ano. Já conseguimos outros equipamentos para fazer a desobstrução da via, permitindo o tráfego parcial de veículos", informou o diretor da Unidade de Conservação e Manutenção do DER, Francisco Filho.

UOL l Edição: Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------