sábado, janeiro 27, 2018

Manifestação pede Justiça por morte de Sarah Carvalho em Ilha de Santa Isabel


Falta de segurança e impunidade geram insatisfação e comunidade faz manifestação para pedir justiça.
Familiares e amigos de Sarah Maria Carvalho Gonçalves, 32 anos, que morreu durante uma tentativa de execução em Ilha Grande de Santa Isabel em Parnaíba, realizaram uma manifestação na tarde do sábado, 27, pedindo justiça e punição pelo crime. Sarah foi vítima de bala perdida enquanto trabalhava em seu estabelecimento localizado na estrada da Pedra do Sal.

Carregando cartazes e faixas com declarações contra a impunidade, familiares e amigos interditaram os dois lados da Ponte Simplício Dias. Uma amiga de Sarah, disse que o crime não pode ficar impune. “Isso não pode continuar, foi minha amiga, amanhã pode acontecer com outro, e aí, o que se irá fazer”? Questionou.
A manifestação foi pacífica e todos os manifestantes estavam visivelmente emocionados pelo ato, todos vestidos de branco, balões brancos gritando em uma só voz: “Justiça!!!”.
O caso está sendo investigado pela Polícia Civil, tende à frente o delegado Eduardo Ferreira, responsável por conduzir as investigações, os principais suspeitos ainda encontram-se foragidos. Segundo a Polícia Civil a dupla já foi identificada e é questão de dias para que possam ser presos.







Por: Gleitowney Miranda/Blog do Pessoa | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário