quarta-feira, março 17, 2021

Ifpi Parnaíba desenvolve termômetro automatizado para identificar febre


O termômetro para detectar pessoas com febre e evitar a circulação de possíveis casos de coronavírus são muitos comuns; pois o momento tem exigido precaução. O Instituto Federal do Piauí (Ifpi), campus Parnaíba, está passando por reformas para assegurar a melhoria do de estrutura de ensino e já apresenta um termômetro automatizado, que é resultado do trabalho no novo Laboratório de Óptica e Física. “A pessoa coloca o dedo e vai medir temperatura da pessoa e vai enviar um sinal para o celular que vai dizer se a pessoa está ou não em estado febril”, esclareceu Deymes Silva, professor de Física.
PUBLICIDADE
Com o novo Laboratório de Óptica e Física, os estudantes já sentem reflexos na qualidade do ensino. Segundo o professor de Física Lucas Izídio, mesmo com aulas remotas, ter sido o Ifpi contemplado com a nova estrutura já faz diferença. “Estamos trazendo vários experimentos para o laboratório, fazendo as gravações, edições e utilizando plataforma de ensino à distância”, informou Lucas Izídio, professor de Física.

O Instituto Federal do Piauí em Parnaíba ganhou laboratório de óptica e física e já desenvolveu um termômetro automatizado. Isso corresponde a expressões do que a educação é capaz de fomentar, que é assegurar às necessidades uma resposta tecnológica como solução.

Portal Costa Norte | Edição: Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------