sábado, agosto 01, 2020

Operação Profícuo prende oito pessoas no litoral do Piauí acusadas de tráfico de drogas

Polícia cumpre 14 mandados de prisão e de busca e apreensão. Um dos presos já foi pego por pelo menos 4 vezes em ações anteriores da polícia por crime de tráfico.
O delegado Eduardo Aquino foi quem coordenou a operação
Pelo menos oito pessoas já foram presas na manhã desta sexta-feira (31) em Parnaíba, litoral piauiense, durante a Operação Profícuo, deflagrada pela Polícia Civil para cumprir 14 mandados judiciais de prisão e de busca e apreensão contra crimes de tráfico de drogas e roubos praticados na cidade. A ação envolve homens da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes de Teresina (DEPRE) que se dirigiram ao litoral para reforçar as diligências, além de equipes da própria Delegacia de Entorpecentes de Parnaíba.

Chama a atenção o caso de um dos presos, que não teve o nome divulgado pela polícia, mas que já havia sido detido pela Delegacia de Entorpecentes por pelo menos quatro vezes pelo crime de tráfico de drogas. Reincidente, ele foi identificado como sendo o responsável por uma série de assaltos à mão armada praticados em Parnaíba ao longo das últimas semanas. Quem dá mais informações é o delegado Eduardo Aquino, que coordena a ação.

"Esta é a quarta vez que ele cai. Na verdade, a maioria desses presos de hoje são reincidentes no crime de tráfico de drogas e outras práticas criminosas como roubos, homicídios, movimentação com arma de fogo. Mas o tráfico é a prática criminosa mais insistente e mais frequente e é nela que estamos mirando. A gente continua intensificando esse monitoramento de venda de entorpecentes no litoral pata que possamos diminuir os prejuízos causados à população", destacou o delegado.

Além das prisões, a polícia apreendeu também na Operação Profícuo até o momento um motocicleta usada para cometimento de assaltos, e uma quantidade expressiva de droga que ainda está sendo pesada e contabilizada.

Fonte: O Dia | Edição: Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------