domingo, abril 12, 2020

Veja quanto cada cidade receberá do Governo Federal para combater o Covid-19 no Piauí

Pandemia: Piauí recebeu em torno de R$ 18,5 milhões para trabalhar a Atenção Básica, Alta e Média complexidade na área da Saúde.
Presidente Bolsonaro e o Ministro da Saúde Mandetta
O Piauí receberá em torno de R$ 18,5 milhões dos R$ 4 bilhões liberados na última quinta-feira (10) pelo Ministério da Saúde para os Estados e municípios brasileiros reforçarem o enfrentamento ao novo coronavírus. Segundo o presidente Bolsonaro, todos os estados e municípios já estão com o dinheiro em conta. A portaria do Ministério da Saúde foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU).

O Piauihoje.com apresenta uma tabela que traz os valores que cada cidade piauiense recebeu. Os recursos são destinados à compra de materiais e insumos, aberturas de leitos, pagamento de profissionais de saúde e outras ações que os municípios e estados julgarem necessário para o combate ao Covid-19.

Teresina receberá cerca de R$ 31 milhões, Parnaíba em torno de R$ 3,4 milhões, Picos R$ 1,6 milhões e Floriano R$ 1,5 milhões.

De acordo com a portaria, municípios que recebem recursos para média e alta complexidade terão direito a uma parcela mensal extra, em igual valor. Os que não recebem, terão direito ao valor repassado para a atenção primária, também em igual quantia.
Recursos para Alta e Média Complexidade.

Segundo o site do Ministério da Saúde, Média e Alta Complexidade são ações mais complexas executadas pelos hospitais, voltadas para os casos graves e críticos dos pacientes com coronavírus. Os recursos são usados para custeio dos profissionais, procedimentos (exames, cirurgias), internações, leitos e medicamentos especializados para cada necessidade. A verba também pode ser usada para possíveis complicações relacionadas ao coronavírus para cada caso.

Já a Atenção Primária acontece nos postos de saúde para os casos mais leves ou moderados da doença. São feitos os exames iniciais para confirmação ou não do diagnóstico. Nessas situações, as pessoas são liberadas para casa e fazem o tratamento domiciliar, com devido acompanhamento das Equipes de Saúde da Família, formada por médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde.

A seguir portaria do MS e o valor recebido por cada município piauiense:










Fonte: Piauí Hoje | Edição: Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------