sábado, março 07, 2020

Mulher morre afogada ao ter carro arrastado durante temporal em Piripiri


Em sete dias, a cidade de Piripiri, região norte do Piauí, já acumulou mais de 400 milímetros de chuvas. Na noite desta sexta-feira (06), a chuva atingiu 122 milímetros e causou um acidente com vítima fatal.

De acordo com informações do Tenente Isaías do Corpo de Bombeiros de Piripiri, uma mulher morreu após ter o carro arrastado na hora da chuva.O acidente ocorreu na Ponte do Baiano, que fica localizada no bairro Germano.

Assista ao vídeo: 

“O carro caiu em um córrego que fica na zona urbana da cidade. Ela não conseguiu sair do carro, que parou em uma região com muitas pedras. A vítima não teve a identidade revelada. Não havia nenhum documento no carro”, destacou.

De acordo com o climatologista Werton Costa, em dois dias a cidade já ultrapassou as médias de chuva que atingiram Teresina durante todo o mês de fevereiro.

“Essa chuva muito expressiva de 122 milímetros. Em apenas dois dias 236 milímetros. Muito chuva. É a média de Teresina no mês de fevereiro em dois dias de chuva”, o climatologista Werton Costa.

O tenente Isaías pede que as pessoas tomem alguns cuidados na hora das tempestades. “ A previsão é de mais chuva para a cidade. O Corpo de Bombeiros pede que a população tenha mais cuidado. Que as pessoas saiam dos carros quando observarem que a chuva é muito forte, que evitem sair de casa, que busquem abrigo em um local mais alto. E entre em contato com o Copo de Bombeiros para pedir ajuda”, afirmou.

Os bombeiros informam que a área mais crítica na cidade é a zona urbana. De acordo com o tenente Isaías, casas ficaram alagadas e as pessoas só conseguiram ser resgatadas na madrugada.

“Foi necessário aguardar que o nível das águas diminuísse. As pessoas conseguiram ser retiradas na madrugada. A área mais crítica, em que recebemos mais chamadas, foi na zona urbana mesmo”, disse.


O padre do município identificado como Padre Roberto conseguiu sair ao ter o carro arrastado pela correnteza. Ele trafegava pela avenida Aderson Ferreira, próximo ao local em que a mulher foi encontrada morta, quando o carro foi arrastado pela correnteza.

Por Lídia Brito cidadeverde. Com l Edição: Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------