terça-feira, fevereiro 04, 2020

SESC inicia período letivo da primeira escola militar inaugurada no governo Bolsonaro

A escola faz parte do programa do governo federal, que prevê a criação de 216 escolas cívico-militares até 2023, com investimentos de R$ 54 milhões de reais por ano.
Escola Militar do Sesc, em Parnaíba
Começou nesta segunda-feira, 3, o primeiro período letivo na Escola Militar do Sesc, em Parnaíba. A solenidade aconteceu na Avenida Presidente Vargas, 963, às 7h30, com a presença do coronel reformado do Exército, Eliezer Marques, que participará dos primeiros dias de atividades na escola.

A primeira escola militar do Sesc é também a primeira escola militar inaugurada no governo Bolsonaro. A escola funcionará nos dois turnos e atenderá alunos do 6° ano do ensino fundamental. Ao todo, foram matriculados 120 alunos. 
Informe publicitário
Segundo a coordenadora de Educação do Sesc, professora Francisca das Chagas Lemos, a escola seguirá a metodologia de ensino aplicada nas demais escolas do Sesc. “Além das disciplinas do currículo básico, terão disciplinas de línguas estrangeiras, música, esportes, robótica, dentre outras áreas”, explica.

As escolas militares ganharam evidência nos últimos anos por causa de indicadores educacionais positivos e por atacarem o problema da indisciplina. De acordo com o MEC, existem 203 escolas cívicos-militares, em 23 unidades da Federação, com maior Ideb [Índice de Desenvolvimento da Educação Básica] do que as civis, apresentando taxa de evasão 71% menor e de reprovação 37,4% inferior.

Por: Ana Cristina Guedes | Edição: Jornal da Parnaíba

Um comentário:

Unknown disse...

E o CAIC tem previsão de transformar em escola militar também?

---------------------------------
-------------------------------