terça-feira, setembro 03, 2019

Coren-PI realizou interdição ética de atividades do SAMU de Cocal

O Conselho Regional de Enfermagem do Piauí (Coren-PI) através de decisão nº 104/2019 interditou eticamente a partir de desta quarta-feira, 4 de setembro, o SAMU de Cocal (PI).
O Conselho Regional de Enfermagem do Piauí (Coren-PI) através da decisão nº 104/2019 determinou, no dia 15 de agosto, a interdição ética do exercício da enfermagem nos serviços executados na base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Cocal (PI). A medida foi tomada após a constatação da inexistência de condições mínimas de segurança e estrutura para o atendimento aos paciente e para os profissionais exerceram sua profissão.

Com base na decisão fica interditado eticamente a partir de 00h00min desta quarta-feira (04) de setembro de 2019 o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) do município de Cocal (PI).
A decisão foi determinada pela Coren-PI, visando defender a integridade física do profissional, assim como os interesses público da coletividade e do cidadão que utiliza dos serviços de enfermagem. O Coren-PE esclarece que a interdição não acarretará na suspensão das atividades de enfermagem à sociedade, mas somente o exercício destas naquele local.



Por: José Wilson | Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------