quarta-feira, maio 01, 2019

No aniversário de 106 anos, Parnahyba tem energia do CT cortada por falta de pagamento

Cepisa suspende abastecimento do CT Petrônio Portela, no litoral do Piauí, e clube transfere parte dos jogadores do time sub-19 para hotéis. Diretoria prevê quitação até o fim da semana.
CT Petrônio Portela — Foto: Kairo Amaral/TV Clube
O Parnahyba amanheceu o feriado desta quarta-feira, dia em que é comemorado o aniversário de 106 anos de fundação do clube, sem energia. Concessionária responsável pelo fornecimento elétrico no Piauí, a Cepisa suspendeu, na terça, o abastecimento do Centro de Treinamentos Petrônio Portela, no litoral do estado. De acordo com a direção do clube, há duas faturas em aberto junto à fornecedora.De acordo com funcionários que residem na sede, o débito chega a R$ 5 mil. O Tubarão prometeu solucionar o problema até o fim da semana.

Em contato com a reportagem, trabalhadores que atuam no CT foram notificados por uma equipe da Cepisa há dois dias. Integrantes da diretoria azulina informaram que tentaram sem sucesso negociar o adiamento do corte.
Centro de Treinamento do Parnahyba Sport Club Petrônio Portela, em Parnaíba
Por conta do impasse, jogadores que atuam no time sub-19 tiveram que ser remanejados para outros locais na cidade. A equipe briga pelo título estadual de base e encara, nesta quarta, o Ferroviário-PI, às 16h, no estádio Pedro Alelaf, em Parnaíba.

Esta é a segunda vez em menos de um ano que o fornecimento de energia elétrica do Parnahyba é suspenso. Em novembro de 2018, o CT ficou sem luz após o acúmulo de R$ 8 mil em débitos referentes a sete faturas não pagas. Em 2014, o mesmo fantasma voltou a assombrar os azulinos.

O QUE DIZ O CLUBE
Procurado pelo Globoesporte.com, o Parnahyba informou que vai reunir integrantes da diretoria e membros do Conselho Deliberativo nos próximos dias para encontrar uma solução para o pagamento imediato das faturas em aberto.

Ainda segundo o Tubarão, foram pagos recentemente os salários dos jogadores que atuaram profissionalmente no Campeonato Piauiense e não há previsão em curto prazo para arrecadação de recursos. Além da energia, estão sendo negociados também os pagamentos de salários dos demais funcionários.

CONFIRA A NOTA DA CEPISA
A Equatorial Energia - Cepisa esclarece que a unidade consumidora em que funciona o Parnahyba Sport Club teve o fornecimento de energia suspenso ontem (30) em função da inadimplência registrada (duas faturas em aberto). O procedimento ocorreu após o vencimento do reaviso de débitos, conforme estabelece a Resolução 414, da Agência Nacional de Regulação de Energia Elétrica - Aneel.

Por Kairo Amaral/G1 | Edição: Jornal da Parnaíba
Clique AQUI e saiba mais informações de Parnaíba e região

Nenhum comentário:

---------------------------------
-------------------------------