domingo, outubro 28, 2018

Pacotes desconhecidos são encontrados no litoral do Piauí

A equipe do Instituto Tartarugas do Delta (ITD) registrou, ontem (27), com ajuda de colaboradores pacotes de origem desconhecida no litoral do Piauí. 
Até o momento foram encontradas seis “caixas” na praia de Atalaia e Peito de Moça.  Os pacotes encontrados tem o mesmo perfil dos registrados nas praias de Alagoas. O ITD fez contato com prefeitura de Luís Correia, Chefe da APA Delta do Parnaíba, Companhia Independente de Policiamento Turístico (CIPTUR) e técnicos do IBAMA para comunicar sobre a ocorrência e solicitar orientações.

Com o apoio da prefeitura de Luís Correia os pacotes foram recolhidos da praia ainda pela manhã e encaminhados para aguardar maiores informações sobre laudo técnico das análises realizadas pela equipe do IBAMA de Alagoas e Polícia Federal, para maiores encaminhamentos e /ou descarte mais adequado.
As orientações sobre o manejo e destino temporário do material até a conclusão das perícias foi recomendado pelo setor de emergências ambientais do IBAMA de Brasília. Essa recomendação foi passada aos Estados onde o material encostou.

De acordo com Roseane Galeno, técnica da prefeitura de Luís Correia, o IBAMA de Alagoas informou que o Perito da Polícia Federal na Paraíba informou que trata-se de uma borracha natural  utilizada para fabricação de pneus e não apresenta risco.

Caso alguém encontre um desses pacotes, devem fazer contato com o Instituto tartarugas do Delta (86) 99968-0197 para acionar órgãos habilitados para fazer o recolhimento do material e encaminhar para local seguro.


Atualização: sobe para 30 o número de pacotes encontrados:
Os pacotes foram encontradas nas praias de Atalaia e Peito de Moça, em Luís Correia e Pedra do Sal, em Parnaíba. Recomendação do Ibama é de que as caixas sejam recolhidas pelas prefeituras.

Por Carol Porto | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário