quinta-feira, outubro 18, 2018

MP investiga doação de terreno da prefeitura de Parnaíba para UFPI

“Apesar de doado, o bem público deve ser utilizado em atividade de relevante interesse público, devendo constar do ato de doação a cláusula de reversão, se for dada outra destinação", explicou.
O promotor Cristiano Farias Peixoto, do Ministério Público do Estado do Piauí, instaurou um inquérito civil com o objetivo de fiscalizar a regularidade da doação de terreno da prefeitura de Parnaíba para a Universidade Federal do Piauí(UFPI).

No dia 24 de abril de 2015, por meio da lei de nº 2.985, a prefeitura de Parnaíba sancionou projeto de lei que desafetou trecho da Rua Mark Jacob localizado entre o Liceu Parnaibano e a Universidade Federal do Piauí, no Bairro São Benedito, com área de 2.250,00m ² e um perímetro de 330, autorizando o Poder Executivo a doar a referida área à UFPI.
A doação foi realizada com o encargo de o donatário construir na área transferida um Centro de Atendimento Comunitário, no prazo de 2 anos, a contar da data de publicação da lei. Só que essa obra não teria sido realizada, dessa forma seria necessário que o terreno retornasse ao município, por isso o foi instaurado o inquérito para apurar a situação.

“Apesar de doado, o bem público deve ser utilizado em atividade de relevante interesse público, devendo constar do ato de doação a cláusula de reversão, se for dada outra destinação ao bem transferido”, explicou o promotor.

Por Bárbara Rodrigues/GP1 | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário