segunda-feira, setembro 24, 2018

Ação Mares Limpos mobilizam turistas e moradores a não sujarem praias no Piauí

A campanha local recebeu o nome  "Limpar é uma Barra, Grande é não sujar".
Garrafa pet, copos descartáveis, canudos e até pedaços de geladeira foram encontrados na praia de Barra Grande durante a ação Mares Limpos, realizada na manhã deste sábado (22). A ação que é uma iniciativa de alerta da ONU Meio Ambiente para não sujar as praias e reduzir a poluição marítima. A campanha local recebeu o nome  "Limpar é uma Barra, Grande é não sujar".

A campanha Mares Limpos 2018 acontece desde o dia 15 deste mês, e vai até este domingo (23) e visa sensibilizar moradores, governos e empresários a eliminarem as maiores fontes de poluição marinha, que é o uso excessivo de plásticos descartáveis e a fabricação de cosméticos com microplástico.
A ação presencial é uma iniciativa da Pousada Titas em parceira com as Ongs Barra Tur, Flor da Vida e Projeto Vivo.

Além de contaminar a fauna e flora dos oceanos, as pessoas envolvidas no projeto divulgam que os fatores poluentes apontados pela ONU Meio Ambiente acumulam cerca de 8 milhões de toneladas por ano nos oceanos, com danos à vida marinha, à pesca e ao turismo.

O Cidade Verde acompanhou uma das ações e os materiais mais encontrados na praia são: canudos, garrafas, papel, sacolas plásticas, copos descartáveis, tampas de garras e pedaços de rede de pescador.  O acompanhamento ocorreu próximo a lagoa em Barra Grande. Foram três grupos divididos em todo o povoado.

Nas regiões de Lagoas e Camboas  foram os locais em que mais se encontram os materiais citados. Também foram achados restos de fogão e material de construção.
Uma das participantes da ação, Isabel Lupianez, do Projeto Vivo, destacou que essa é uma ação constante feita para educar o turista e os próprios moradores da região.  O Projeto Vivo atende cerca de 80 crianças; ensina Kite, futebol e oferece reforço escolar.

"É preciso educar as pessoas, que às vezes não entendem, jogam o lixo na beira da praia, a maré vem e leva os lixos para o mar, e alguns deles retornam para a praia", disse.

Por: Yala Sena/Cidade Verde | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário