sábado, junho 16, 2018

A vala do Bairro de Fátima também vai desabar?

A galeria de águas pluviais da Rua José Bonifácio no Bairro de Fátima, em Parnaíba, construída nos mesmos moldes da galeria da quarenta, comumente chamada de “vala da quarenta” e que tem os mesmos objetivos, receber as águas das chuvas, continua de pé, mesmo sendo coberta por várias ruas.
Avenida Nossa Senhora de Fátima cruza a Galeria da Rua José Bonifácio e não há nenhuma restrição de peso.
Esta galeria, apesar de mais larga, pois acolhe um volume de águas das chuvas do próprio bairro de Fátima e de bairros adjacentes, como bairro São Benedito, Campos, São Francisco, Pindorama e até do Nova Parnaíba, recebe uma carga de peso diária com o intenso tráfego de veículos de todos os portes sem nenhuma restrição de tamanho o peso.

Matéria relacionada: Em cima da "Vala da Quarenta"; pode isso?

Além de tomar quase que a largura da Rua José Bonifácio ainda cruzam por ela vias importantes e movimentadas como a Avenida Nossa Senhora de Fátima, sem que nunca tenha ocorrido nenhum incidente.
A galeria que passa aqui, tem quase a mesma largura da rua José Bonifácio e não tem restrição de tráfego.
E por este motivo que desconfio que haja um pessimismo exagerado de quem pensa que um simples terminal de ônibus feito em cima da ‘”vala da quarenta” vai fazer ela desabar.

Na verdade, Parnaíba está cheia de “valas da quarenta” cobertas por ruas e avenidas importantes sem que nunca tenha sido registrado nenhum incidente.

Por José Wilson | Jornal da Parnaíba
Postar um comentário