sábado, dezembro 30, 2017

Neto de desembargadora é preso com droga sintética em Barra Grande

Reincidente: O delegado Tales Gomes informou que o estudante já foi preso pela DEPRE, em 2015, com o mesmo tipo de droga.
Delegado Tales Gomes - Foto: Thais Sousa/GP1 
O estudante de direito e neto da desembargadora aposentada do Tribunal de Justiça do Piauí, Rosimar Leite Carneiro, Adson Tavares Leite Siqueira Sousa, e Rômulo Vitorino Oliveira Boson de Castro, foram presos nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (29), após serem flagrados com drogas sintéticas em uma residência em Barra Grande, no Litoral do Piauí.

O delegado Tales Gomes, da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (DEPRE), informou que o estudante de direto já foi preso pela DEPRE, em 2015, com o mesmo tipo de droga.
Foto: Divulgação/PC-PI
De acordo com informações repassadas pelo delegado Maicon Kaestner, da delegacia de Luís Correia, foram apreendidos com Adson Tavares 12 micropontos de Lsd e uma pequena porção de maconha. Com Rômulo Vitorino foi apreendida uma pequena porção de Skank. “Cumprimos um mandado de busca e apreensão em um local onde, supostamente, havia um comércio de entorpecentes. Cada microponto chega a ser vendido em uma festa no valor de R$ 200,00”, explicou.

Matéria relacionada: Jovem é preso com LSD que seria comercializado em Barra Grande.

Adson Tavares foi autuado por tráfico de drogas e a polícia realizou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) de porte para uso pessoal. A droga seria vendida em festas em Barra Grande na virada do ano. “Têm muitos delitos acessórios ao tráfico de drogas, então temos que combater o tráfico de drogas para evitar outros crimes e trazer a paz para Barra Grande”, finalizou.

Por Thais Souza/GP1 | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário