sexta-feira, julho 07, 2017

Parnahyba deve receber metade do valor do patrocínio do estado na terça-feira

Alento na Série D, apoio financeiro do Governo é pago a Altos e Parnahyba; Jacaré e Tubarão receberão R$ 150 mil cada um por primeira parcela de patrocínio do poder público. Com problema de documentação, River-PI segue na espera.
O tão sonhado apoio financeiro prometido pelo Governo do Estado aos clubes de futebol que disputam a Série D do Campeonato Brasileiro deste ano, enfim, está bem perto de ser pago. Os R$ 150 mil referentes à primeira das duas parcelas do convênio assinado pela Fundação de Esportes do Piauí (Fundespi) foram encaminhados às contas de Altos e Parnahyba e devem estar à disposição de ambos até terça. Contudo, um impasse na documentação do River-PI, que foi eliminado na primeira fase da competição nacional, emperrou a liberação da cota tricolor.

O acordo de patrocínio encaminhado pela Fundespi prevê a destinação de R$ 300 mil a Altos, Parnahyba e River-PI, representantes do estado na 4ª divisão do Brasileiro. Os contratos Nº 18/2017 e 19/2017 tem como finalidade a destinação de verba a Jacaré e Tubarão, respectivamente, para divulgação de marcas e campanhas de interesse do poder público em uniformes, estádios, adesivos, ônibus, banneres e demais materiais esportivos das agremiações. O vínculo vai até dezembro deste ano.
Patrocínio prevê espaço em uniformes, estádio e veículo oficial dos clubes. Altos estampa marca do Governo desde o início da temporada (Foto: Stephanie Pacheco)
- A gente tem que agradecer ao governo do estado por ele ter entendido a importância desse dinheiro para a manutenção dos times na Série D. Vejo com amplas possibilidades esse acessos de Altos e Parnahyba. É fundamental para os clubes. O dinheiro foi enviado para o banco e estamos na espera – informou o presidente alviverde Warton Lacerda.

Um dos beneficiados do convênio, o River-PI ficou fora temporariamente do pagamento da primeira parcela por ainda não ter regularizado a emissão da documentação exigida para a destinação da quantia. O presidente da Fundespi, Paulo Martins, defendeu a liberação do patrocínio como forma de incentivar os clubes na Série D.

- O River-PI tem uma pendência de documentação e estamos aguardando ele tirar para fazermos o pagamento. Hoje conseguimos liberar metade dos recursos, conforme determinou o governador. Isso facilita os dois times, que estavam sufocados e vão jogar nesse fim de semana. Eles vão poder organizar suas despesas – destacou o gestor estadual.

Representantes do Piauí nas competições nacionais de 2017, Altos, Parnahyba e River-PI conviveram com salários atrasados no primeiro semestre. Cada clube do trio chegou a acumular dois meses de débitos com os jogadores. Fora da luta pelo acesso, o Galo ainda aguarda a liberação do apoio para liquidar as pendências com o elenco após a Série D. Jacaré e Tubarão jogam a 2ª fase da competição no fim de semana.

Por Renan Moraes/G1 | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário