terça-feira, março 07, 2017

Maestro Beetholven Cunha vai implantar canto e coral na Escola Roland Jacob

Maestro Beetholven Cunha vai implantar canto e coral na escola municipal Roland Jacob, em Parnaíba
O renomado maestro Beetholven Cunha já está em Parnaíba. Ele foi convocado pelo prefeito Francisco de Assis Moraes Sousa, o Mão Santa, para a implantação do canto coral na Escola Municipal Roland Jacob, que será escola modelo na Parnaíba.

Mão Santa tenciona utilizar a música como mola mestra para que crianças e jovens se sintam conhecedores de sua cidadania. Para o ex-governador, a música pode despertar grandes talentos, mas, principalmente, formar grandes cidadãos.

Compositor e regente Beetholven Cunha
Pernambucano da Zona da Mata de Pernambuco iniciou seus estudos aos 6 anos de idade influenciado por seu Tio Eduardo Santana. Com treze anos já regia as bandas de sua cidade. É formado em composição e regência e teve como professores Silvio Américo, Demócrito França, H. J. Koelreutter e Osvaldo Lacerda. É orientador do grupo de compositores da Universidade Federal do Piauí (UFPI). É o maestro titular da CAMERATA TERESINENSE, diretor e fundador do grupo de música experimental GMUCO, do coral infanto-juvenil da cidade de Teresina e do projeto/grupo de dulcistas SOPRO DIVINO. Com mais de 300 obras compostas, tem suas obras interpretadas por orquestra, grupos, coros e solistas importantes do Brasil em países como Estados Unidos, Alemanha, Polônia Cazaquistão, Itália, Suíça, Japão e Austrália. Detém o títu lo de comendador pela Associação Brasileira de Arte Cultura e Ensino (ABACE) mérito cultural Carlos Gomes.


Jornal da Parnaíba
Postar um comentário