quarta-feira, setembro 05, 2018

Praia do Macapá: no encontro do rio Camurupim com mar

A bela Praia do Macapá localizada na foz do Rio Camurupim, no município de Luís Correia, a 27 km do centro da cidade.
Uma vila perdida no tempo: vento, dunas, lagoas e a foz do Rio Camurupim em encontro com mangue formam o cenário destas praias de rio e mar.

Uma beleza composta por dunas, um mar de águas calmas e transparentes e um manguezal. Pode-se desfrutar de tudo isso, fazendo um passeio de barco, ou velejando, comprando peixes e caranguejos frescos dos moradores locais, ou simplesmente, banhando-se nas águas do mar.
A última praia de Luís Correia é um atrativo à parte. De um lado o mar e do outro o Rio Camurupim que une os municípios de Luis Correia e Cajueiro da Praia no litoral piauiense, que forma uma lagoa na saída do mangue, dividindo a paisagem com a praia de Barra Grande, do município vizinho de Cajueiro da Praia. Na maré baixa os bancos de areia parecem dunas conectadas pela água. Uma paisagem bucólica, perfeita para se conectar com a natureza praticando esportes como pesca esportiva, caiaque, SUP e, principalmente, Kitesurf.
Natureza Selvagem & Turismo
As mudanças no clima vem castigando a paisagem da praia do Macapá nos últimos anos.  As correntes marítimas foram alteradas e o mar avançou sobre a vila, o que causou a destruição da estrada de acesso, além de casas, bares e pousadas que estavam próximos ao mar. Com suas paisagens mutantes é considerado um paraíso da natureza, mas a chance de que não exista mais com o passar dos anos é grande. Não deixe de ir conhecer e se encantar!
Mesmo com o avanço do mar, os empreendimentos turísticos não deixam de aparecer na região. Bares de praia e pousadas, principalmente voltados para o público do kitesurf, estão sendo inaugurados e o movimento de velejadores buscando tranquilidade e preços mais em conta vem crescendo consideravelmente.

Além de algumas pousadas simples, a praia tem também casas de veraneio para aluguel, mas as maiores opções estão em Maramar (a praia de mar). As duas praias estão separadas por uma curta caminhada a beira da praia ou pela estrada pavimentada.

Jornal da Parnaíba
Postar um comentário