quarta-feira, julho 04, 2018

Ministério da Saúde descredencia 220 Equipes de Saúde da Família no Piauí

O Ministério alegou que não foram cumpridos prazos estabelecidos na Política Nacional de Atenção Básica, a exemplo dos prazos para o cadastramento no Sistema Nacional de Estabelecimento de Saúde. Teresina e Parnaíba lideram a lista.
Duzentas e vinte Equipes de Saúde da Familia (ESF) foram descredenciadas pelo Ministério da Saúde no Piauí atingindo 20 municípios.

O Ministério alegou que não foram cumpridos prazos estabelecidos na Política Nacional de Atenção Básica, a exemplo dos prazos para o cadastramento no Sistema Nacional de Estabelecimento de Saúde.

A medida atingiu equipes de Água Branca, Altos, Barras, Buriti dos Lopes, Campo Maior, Castelo do Piauí, Esperantina, Fartura do Piauí, Floriano, MIguel Alves, Oeiras, Parnaíba, Pedro II, Picos, Pio IX, Piracuruca, Piripiri, São Raimundo Nonato, Teresina e União.

Equipe de Saúde da Família é composta por multiprofissionais, como médico, enfermeiro, auxiliar ou técnico de enfermagem e agentes comunitários de saúde. Podem ainda ser acrescentados a essa composição, profissionais de saúde bucal, como cirurgião-dentista e auxiliar ou técnico em saúde bucal.

Clique AQUI e confira a relação completa das ESF's de todos os estados.

Teresina e Parnaíba lideram a relação de descredenciamento com 152 e 32 Equipes, respectivamente.

A portaria com a informação foi publicada em 12 de junho deste ano no Diário Oficial da União, assinada pelo ministro Gilberto Occhi. Confira a relação das cidades:
Por: Gil Sobreira/GP1| Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário