sexta-feira, maio 04, 2018

Colégio Nossa Senhora das Graças completa 111 anos neste mês de maio

Colégio Nossa Senhora das Graças, fundado em 30 de maio de 1907, portanto há 111 anos educando gerações a serviço da vida, a serviço da sociedade parnaibana!
Colégio Nossa Senhora das Graças e Igreja Santo Antônio, em Parnaíba (PI) - Foto: PHBDrones
Aos trinta dias do mês de maio de 1907, décimo nono da Proclamação da República dos Estados Unidos do Brasil, reinando gloriosamente na cadeira de São Pedro o Papa Pio X, sendo presidente da República o Excelentíssimo Dr. Afonso Augusto Moreira Penna, sendo Governador do Estado do Piauí o Excelentíssimo Dr. Álvaro de Assis Osório Mendes, o Bispo desta diocese o Excelentíssimo e Reverendíssimo Sr. D. Joaquim O. D’Almeida, alguns membros do clero, representantes da sociedade parnaibana, abriu-se solenemente um colégio para a educação de meninas. Este ato sublime de beleza cheio da mais justa e santa manifestação de alegria da parte do nobre povo parnaibano.

Assim tem início o Colégio Nossa Senhora das Graças, situado à Praça Santo Antônio, 802, no centro da cidade de Parnaíba. Relendo nos Livros da Vida ou Livro de Memórias, encontramos destes o início desta fundação algo marcante: a tenacidade e empenho de suas Irmãs Pioneiras, que pouco a pouco conquistaram a sociedade parnaibana e deixaram para as Savinas de hoje um grande exemplo de dedicação, perseverança e amor à Educação.

Desde a sua fundação esta Escola encontrou dificuldades: Primeiro – “Linguísticas” porque as primeiras Irmãs eram todas italianas, em segundo lugar – “Financeiras” pois a ajuda e subvenções recebidas nos seus primórdios anos, não eram compatíveis com as grandes necessidades que as Irmãs e o Colégio nascente possuía.

Mesmo assim, no coração das Irmãs pioneiras, havia a esperança de semear a boa semente difundindo assim o Reino de Deus. A esperança é daqueles e daquelas que não possuem outro patrimônio a não ser a vocação – o Chamado, enfim, o desejo de realizar o Projeto do Pai. Para aquelas Irmãs – ANNUNZIATA PETRI, MARIA GIOVINE, GIUSEPPINA TACCINI e MARIA GUZZARI a nossa gratidão porque se fizeram pobres como Jesus. Aqui condividiram dificuldades, partilharam vidas, abraçaram o desafio e optaram pela cruz...

Os anos passam e não somente as dificuldades perpassam o caminho das Irmãs dos Pobres e do Colégio Nossa Senhora das Graças, mas as exigências educacionais também junto a essas educadoras que de mangas arregaçadas buscam nos tempos de hoje desfraldar a bandeira da EDUCAÇÃO com garra, empenho, estudo, pesquisa e muita competência. Para nós, as Savinas de hoje, o maior desafio é manter em nossos educandos a vontade de ser Gente mais Gente, onde o homem integral – sequioso de Deus une a sabedoria intelectual à sabedoria divina e juntas complementam este ser – chamado Educando, a trilhar a estrada do futuro com segurança, firmeza, coragem. Na era da informática e da tecnologia virtual, o Colégio Nossa Senhora das Graças quer preparar-se para o III Milênio enfrentando sobretudo os desgastes do neoliberalismo, a descrença do mundo estudantil que mesmo com um diploma na mão, sente-se ameaçado pelo desemprego, falta de oportunidades do mercado de trabalho, enfim, um lugar ao sol.

Concluindo, podemos dizer que o Colégio Nossa Senhora das Graças elege como eixo fundamental de sua prática educativa os princípios pedagógicos de Madre Savina: compreensão da realidade, responsabilidade em relação à vida grupal e à vida pessoal e cristã. Nesta perspectiva, pretendemos desenvolver um projeto de educação que traduza na oferta o empenho da formação do homem novo como alicerce de uma nova sociedade para o terceiro milênio.

COLÉGIO NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS
Ontem
->
Dirigido pelas Irmãs dos Pobres de Santa Catarina de Sena, funcionou até 1981 dentro da Lei Municipal Nº 5.692, mantendo os seguintes cursos: Pré-Escolar, 1º e 2º Graus;
->
Funcionaram nesta Entidade de Ensino em anos anteriores, os cursos Primário, Comercial, Ginasial, Pedagógico, Habilitação em Saúde, Curso Não-Profissionalizante;
->
Segundo os registros de Secretaria constatamos que de 1907 a 1933 o Colégio Nossa Senhora das Graças funcionou somente com o Curso Primário (1ª a 4ª Série). Em 1934 foi criado o Curso Comercial. O Curso Ginasial teve a sua origem em 1936. Suas primeiras diretoras foram: Irs. Amália Petri, Maria Catarina Levrine, Maria Laura Giovanne, Maria Guzarri, Abelinda Ducci, etc.;
->
A partir de 1945 estiveram na direção desta Escola as seguintes Irmãs:
• 1945 – 1951: Irmã Josefina Aires
• 1952 – 1955: Irmã Hilsa Soares de Almeida
• 1956 – 1958: Irmã Maria Alci Neiva Arrais
• 1959 – 1963: Irmã Helena Caldas de Oliveira
• 1964 – 1966: Irmã Egídia da Conceição Moura
• 1967 – 1969: Irmã Maria do Socorro Franco de Sá
• 1970 – 1972: Irmã Teresa de Jesus Santos Martins
• 1973 – 1975: Irmã Delzuíta Gomes da Costa
• 1976 – 1978: Irmã Teresinha Porto
• 1979 – 1985: Irmã Dedi Assunção
• 1986 – 1992: Irmã Marianise da Silva Lima
• 1993 – 2003: Irmã Maria Dalva Ferreira da Silva
• 2004 – 2007: Irmã Maria Helena de Araújo
• 2008 aos dias atuais: Irmã Maria Dalva Ferreira da Silva.

O Colégio Nossa Senhora das Graças manteve em anexo a Escola Gratuita São José cuja clientela era de crianças carentes da sociedade parnaibana. Esta escola foi extinta no final do ano de 1994 quando funcionou apenas a 4ª Série do 1º Grau. Apesar da extinção da mesma, o Colégio Nossa Senhora das Graças ainda mantém até hoje um número expressivo de alunos bolsistas custeados pela Mantenedora (Província Sagrado Coração de Jesus) e é responsável pela mais nova instituição fundada em Parnaíba, a Casa de Apoio à Criança e à Família Ir. Abelinda Ducci, onde atende 75 crianças carentes de 2 a 4 anos.

COLÉGIO NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS
Hoje
Atualmente o Colégio Nossa Senhora das Graças funciona com três cursos assim denominados: Educação Infantil - Maternalzinho, Níveis I, II e III; Ensino Fundamental (1º ao 9º Ano) e Ensino Médio. Possui aproximadamente 1.200 alunos.

Postar um comentário