terça-feira, abril 03, 2018

Rotas da conservação um projeto que vai contribuir com as ações da APA Delta do Parnaíba

Foi lançado na segunda-feira, dia 26 de março, o Projeto Rotas da Conservação realizado pelo Instituto Tartarugas do Delta financiado com recursos da cláusula de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) dos contratos de concessão da Agência Nacional do Petróleo.

O projeto consiste num trabalho de pesquisa na região do litoral norte-nordeste do Brasil visando aprofundar conhecimentos dos padrões de migração de duas espécies ameaçadas de extinção através do monitoramento da tartaruga-de-couro e o camurupim por meio de transmissores via satélite e levantamentos de informações com a comunidade pesqueira.
  
Para a financiadora do Projeto conhecer esse percurso é fundamental para entender o comportamento dessas espécies.
Segundo Glauco Paiva, gerente executivo de relações externas da Shell Brasil trabalha no mar, esse é nosso foco, e é importante sabermos, conhecermos o comportamento da tartaruga e do peixe camurupim. Eles estão no mar há muitos anos. É preciso também que governo, entidades privadas e comunidade trabalhem em conjunto. Este tripé é fundamental para dar certo o avanço.

Participaram do lançamento professores universitários, pesquisadores, comunidade pesqueira e outros profissionais que atuarão no projeto.

Por Carol Porto | Jornal da Parnaíba
Postar um comentário