segunda-feira, abril 30, 2018

Idosa atingida por caminhão de lixo não resiste e morre no HEDA

Idosa foi atropelada na calçada de casa por caminhão de lixo de ré que presta serviços para a prefeitura de Esperantina.
Bernarda Pereira da Cunha, de 80 anos, que foi violentamente atingida por um caminhão de lixo que presta serviço para a Prefeitura de Esperantina, não resistiu aos ferimentos e acabou vindo a óbito no HEDA – Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, em Parnaíba.

A idosa residia no Conjunto Mão Santa, havia sido transferida para o Hospital de Parnaíba depois que foi atingida por um caminhão de lixo na calçada da sua casa. Familiares informaram que a mesma teve um braço quebrado e ficou com diversos hematomas por algumas partes do corpo.

Uma neta da vitima chegou a relatar que nem a prefeitura e muito menos o proprietário do caminhão ajudaram nas despesas da idosa. “Nós procuramos o pessoal da prefeitura e o responsável pela empresa de lixo da cidade e todos eles ficaram jogando um para o outro”, disse uma das netas da vitima.

Familiares relataram que só um exame feito com a idosa, foi mais de R$ 300,00 (trezentos reais). “Além do exame que foi feito na cabeça dela, a família teve que pagar mais de trezentos reais, fora outros R$ 400,00 (quatrocentos reais), para pagar o taxi para trazer o corpo dela”, falou um integrante da família.

Jornal da Parnaíba com informações do Longah
Postar um comentário