segunda-feira, março 26, 2018

Nova universidade no Piauí ampliará ensino e abrirá concurso público

O campus Ministro Reis Velloso da Universidade Federal do Piauí está a um passo de se transformar em Universidade Federal do Delta do Parnaíba (UFDPar) – Campus Ministro Reis Velloso, no município de Parnaíba.  
Atual Universidade Federal do Piauí - Campus Ministro Reis Velloso (Foto:Chico Rasta)
Em entrevista ao Cidadeverde.com, o diretor do campi, Dr. Alexandro Marinho Oliveira, relatou que a proposta de criação foi aprovada pela Câmara dos Deputados, no dia 20 de março deste ano, e aguarda sanção do presidente da República, Michel Temer (MDB). Com a transição poderão surgir novas oportunidades de graduação, pós-graduação, ampliação do número de vagas e de concursos públicos para preencher o quadro de funcionários.

A medida está prevista em substitutivo do Senado Federal ao Projeto de Lei 5.272/16, do Poder Executivo. O texto dos senadores inclui a criação de outra universidade por desmembramento, a Universidade Federal do Agreste de Pernambuco (Ufape), originada da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE).

“A criação está para sansão presidencial e, assim que assinar o papel, todo o campi, o patrimônio, vai ser transferido para a UFDPar. Vai existir todo um processo de transição, que pode durar uns dois anos. É um processo que requer muito trabalho e atenção, pois vai movimentar muita gente, a migração de quase 5 mil alunos da graduação, fora os da pós-graduação; além dos setores”.

O diretor ressaltou que será necessário criar setores até então inexistentes no campus, como as pró-reitorias, como as de Administração e Planejamento e Orçamento. Também será necessária toda uma migração do sistema acadêmico, a criação de um Centro Jurídico e de uma Superintendência de Comunicação Social, por exemplo.
Prof. Dr. Alexandro Marinho (Foto:Gilson Brito)
Orçamento
Dr. Alexandro Marinho alertou que é preciso orçamento para que a transição ocorra e que, até o momento, não há muitas informações de como os recursos irão chegar para o funcionamento da nova universidade, para atender tanto o processo de transição como para às novas demandas.

“É preciso um financiamento, pois temos ‘x’ de custeio, ‘x’ de capital. No orçamento de 2018 não estava previsto o orçamento para as novas unidades, então, vai ter que ser colocado. O de 2018, o Congresso (Nacional) já aprovou no ano passado e foi sancionado. Até então, as unidades não estavam criadas. Agora, a lei de orçamento deverá contemplar para 2019”, explicou o diretor.

Enem
Criada a UFDPar, o Piauí possuirá três universidades pública, pois já se tem a Universidade Federal do Piauí e a Universidade Estadual do Piauí.

O diretor destaca ainda que, sancionada a criação neste ano, a UFDPar já poderá entrar como escolha para os candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio 2019.

“Se tudo ‘andar direitinho’, os estudantes já vai ter essa opção: antes era o Campi Parnaíba da Ufpi, agora será a Universidade do Delta do Parnaíba. O que trará para o Estado mais investimentos, mais recursos, e a ampliação de ensino”, afirma o diretor.
Atual Universidade Federal do Piauí - Campus Ministro Reis Velloso (foto:Chico Rasta)
Graduações e Pós-Graduação 
Atualmente, o campus de Parnaíba dispõe de 12 cursos de graduação, voltados para as seguintes áreas:
  • Ciências da Biológicas e da Saúde: Ciências Biológicas  | Ciências Biomédicas | Fisioterapia  | Psicologia | Medicina
  • Ciências Sociais e Aplicadas: Administração | Ciências Contábeis | Ciências Econômicas | Turismo
  • Ciências da Educação: Pedagogia
  • Ciências Exatas e da Natureza: Engenharia de Pesca | Matemática

Para ingresso em nível de pós-graduação:
  • PPGBIOTEC - Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia
  • PPGAPM - Programa de Pós-Graduação em Artes, Patrimônio e Museologia
  • PPGCBM - Programa ee Pós-Graduação Em Ciências Biomédicas (11.00.29.41)
  • PROFMATPAR - Programa de Pós-Graduação em Matemática - Profissional - Parnaíba
  • PPGPSI - Programa de Pós Graduação em Psicologia -  Parnaiba
  • PPGSM - Programa de Pós Graduação em Saúde da Mulher
Parnaíba é a maior cidade da região deltáica, considerada o centro receptor e difusor do desenvolvimento da região, que congrega municípios dos Estados do Piauí, Maranhão e Ceará. Possui uma população de mais de 140 mil habitantes, sendo o segundo mais populoso do Estado. É possuidor de muitas belezas naturais, algumas dotadas de grande valor histórico para o Piauí. Nas proximidades do centro da cidade, na região denominada de Porto das Barcas, há inúmeros imóveis históricos. O município desponta como pólo turistico piauiense, sendo a principal base de apoio para quem deseja conhecer o litoral do Piauí e o Delta do Parnaíba.

A região do Delta do Parnaíba unifica, por suas características históricas, geográficas, biológicas, socio-econômicas e culturais, regiões pertencentes aos estados do Ceará, Piauí e Maranhão. Naquela região, a cidade de Parnaíba ocupou historicamente um lugar de destaque quando ocorreram dois ciclos econômicos de significado nacional: o primeiro baseado na produção de charque e o segundo na produção de cera de carnaúba. Hoje, apesar da perda da posição de destaque econômico nacional, ainda é Parnaíba a cidade motora do desenvolvimento da região norte do Estado, pois suas escolas, suas feiras, seus hospitais, bancos, hotéis e o variado comércio ainda servem e sustentam essa comunidade de tríplice subordinação territorial.

O Campus Universitário de Parnaíba, está situado na cidade de Parnaíba-PI, ao extremo norte do Estado, distando de 336 km de Teresina. Endereço: Av. São Sebastião, nº 2819 - B. Nossa Senhora de Fátima, Parnaíba-PI. Cep: 64.202-020.

Carlienne Carpaso/Cidade Verde | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário