terça-feira, março 06, 2018

Governo do Piauí desconta, mas não repassa valor de empréstimos dos servidores ao bancos

Com falta de repasse do Governo de Wellington Dias servidores estão ficando com nome sujo junto a entidades de proteção ao crédito.
A Assembleia Legislativa aprovou, hoje(5), requerimento do deputado Gustavo Neiva (PSB) pedindo a realização de audiência pública para debater atraso pelo Governo do Estado no repasse de parcelas de empréstimos consignados contraídos por servidores junto a instituições bancárias. De acordo com o parlamentar, esse atraso chegaria a R$ 150 milhões.

Ao ocupar a tribuna para defender a proposição, Gustavo Neiva disse que tomou conhecimento da questão quando esteve na semana passada no Tribunal de Contas do Estado (TCE). Ele assinalou que o atraso está prejudicando os servidores que tiveram seus nomes negativados junto a entidades de proteção ao crédito e ficaram impedidos de renegociar os seus empréstimos.

O deputado João de Deus (PT), líder do Governo, que discutiu a matéria, disse que, antes de fazer os repasses aos bancos, o Governo do Estado decidiu priorizar o pagamento do funcionalismo de acordo com a tabela divulgada anualmente. Ele concordou com a aprovação da proposição do parlamentar do PSB.

Por Gil Oliveira/Fala Piauí
Postar um comentário