sábado, março 31, 2018

Corpo de homem é encontrado na praia da Pedra do Sal em Parnaíba

Pescadores encontram corpo de homem na praia da Pedro do Sal. Até o momento o corpo ainda não foi identificado e a polícia e os bombeiros foram acionados e fizeram a remoção.
Corpo foi encontrado por pescadores na praia da Pedra do Sal (Foto: Kairo Amaral/Arquivo pessoal)
O corpo de um homem ainda não identificado foi encontrado por pescadores na praia da Pedra do Sal, em Parnaíba, no litoral do Piauí, por volta das 11h30min deste sábado (31). O local fica a cerca de 4 km do tradicional farol da praia.

“Eu e mais três colegas achamos ele. Estávamos jogando a rede quando vimos ele encostando. Fiquei aqui olhando para a maré não arrastar o corpo. Não conhecemos ele, ele não deve ser daqui”, contou o pescador Alciomar dos Santos Costa.

O acesso ao local onde o corpo foi encontrado é feito por dentro de uma das usinas eólicas instaladas na praia. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar foram chamados e acionaram a Perícia Criminal e o Instituto Médico Legal de Parnaíba para a remoção do corpo. O homem foi encontrado usando uma camisa amarela e uma bermuda preta.

Segundo o gerente da usina eólica do local, o geógrafo Márcio Leal, este é o primeiro corpo encontrado no local em 2018. Contudo, ele relatou ser comum que corpos de pessoas que se afogaram em outras praias sejam levados pela corrente marítima até a Pedra do Sal.

"A gente tem uma finalização de corrente aqui nesse local. Corpos e lixo jogados ao mar acabam vindo para cá. Temos casos de baleias, golfinhos, tartarugas e até afogamentos ocorridos em Camocim (CE) e acabam vindo parar aqui, a quilômetros de distância de onde o acidente aconteceu", explicou.

De acordo com major Rivelino de Moura, comandante do Corpo de Bombeiros no litoral, o corpo foi encontrado por pescadores a cerca de 4 km do farol da praia, na área onde está instalada a usina eólica de Parnaíba.

A suspeita é que o homem tenha se afogado em algum local mais distante e tenha sido trazido pela corrente. O corpo foi levado para o IML de Parnaíba onde permanece sem identificação.

Fonte G1 | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário