sábado, fevereiro 03, 2018

Bando arromba três agências bancárias de Cocal durante a madrugada

Ousadia: Grupo armado faz cordão humano com reféns enquanto explodem e roubam quase todas as agências bancarias em Cocal (PI).
Agência da Caixa Econômica Federal de Cocal ficou destruída
A madrugada deste sábado (03/02), por volta das 2h, foi de terror em Cocal, município da região norte do Piauí. Um grupo fortemente armados explodiu três agências bancárias de forma simultânea. Durante a ação, várias pessoas foram feitas reféns e obrigadas a montar um cordão humano em frente aos bancos para evitar a aproximação de policiais.

A ação que contou com mais de quinze criminosos ocorreu por volta das 2 horas, quando a primeira das três explosões foram ouvidas por moradores. Os caixas eletrônicos e o cofre da Caixa Econômica Federal foram explodidos e o dinheiro roubado. O prédio ficou parcialmente destruído com a explosão. Um caixa eletrônico da agência do Bradesco e o cofre dos Correios também foram arrebentados, só que nestes, os assaltantes utilizaram pés de cabras e marretas. Ainda não se sabe o valor levado pelo bando.
Policiais preservam a agência da Caixa Econômica Federal de Cocal para realização da perícia.
Fortemente armados com fuzis e pistolas, os criminosos obrigaram feirantes e cidadãos que passavam pelos locais a montarem uma espécie de cordão humano enquanto eles agiam. Não houve confronto entre a polícia e os bandidos. Os reféns foram liberados logo em seguida. Ninguém saiu ferido. 

De acordo com testemunhas, pelo menos três carros e uma motocicleta foram usados nos assaltos. Dois automóveis modelo Corolla e em uma picape Ranger e uma motocicleta de modelo não identificado. Após os roubos, o bando fugiu tomando rumo ignorado. 
Agência do Bradesco de Cocal arrombada durante a madrugada
Pequeno contingente policial:
Uma equipe da Polícia Militar, comandada pelo Cap. Ronald, está preservando as agências roubadas até a chegada da pericia, enquanto uma guarnição da Força Tática, sob o comando do Tenente Madson, está em diligências no intuito de capturar os acusados. 
Agência dos Correios também foi arrombada.
Segundo o comandante da Polícia Militar de Parnaíba, major Antônio Pacífico, os criminosos fizeram um cordão humano em frente aos bancos para evitar a aproximação de policiais.

“Eles estavam em três carros, agiram muito rápido na ação criminosa que ocorreu por volta de 2h da madrugada deste sábado. Uma viatura da PM foi ao local, mas como eles estavam usando as pessoas como reféns, os militares não revidaram. Ninguém ficou ferido”, contou.

Ainda de acordo com comandante, as explosões aconteceram de forma simultânea e as agências ficaram bastante danificadas por conta das detonações. O bando fugiu e a polícia realiza diligências com objetivo de prender a quadrilha.

“Duas viaturas da Força Tática de Parnaíba foram deslocadas para Cocal com objetivo de prender os suspeitos. Os locais estão isolados esperando a chegada da Polícia Federal que realizará uma perícia na agência da Caixa Econômica e Correios”, acrescentou.











Por Wendel Veras/Blog do Coveiro | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário