quarta-feira, janeiro 24, 2018

Vigilância Sanitária promove capacitação para ambulantes de Praça do Amor

Ambulantes da Praça do Amor, em Parnaíba, passam por capacitação promovida pela Vigilância Sanitária.
Vendedores ambulantes que possuem barracas de lanche na Praça do Amor passam por capacitação
Vendedores ambulantes que possuem barracas de lanche na Praça do Amor, na Avenida São Sebastião, participaram na manhã desta terça-feira (23) da primeira reunião com técnicos da Vigilância Sanitária, no auditório da Secretaria  do Desenvolvimento Social e Cidadania – Sedesc, na Avenida Pinheiro Machado, onde ouviram uma exposição da médica veterinária Aglaê Castelo Branco, acerca dos cuidados que devem ter todos aqueles que trabalham com a manipulação de alimentos. Desta primeira reunião participaram cerca de 20 empresas, num total de 54 pessoas, aproximadamente, dentre ajudantes e colaboradores.

De acordo com a coordenadora do Núcleo de Educação da Vigilância Sanitária, Aparecida Ferreira, esta foi a primeira de uma série de três reuniões com todos os ambulantes do referido local, visando conscientizá-los da necessidade de boas práticas na hora de manipular alimentos. À frente deste trabalho está também a diretora da Vigilância Sanitária, Esther Mavignier e o diretor operacional da EMPA, Paulo Pinto.
Coordenadora do Núcleo de Educação da Vigilância Sanitária, Aparecida Ferreira
De acordo com a coordenadora Aparecida, o objetivo do trabalho é fazer com que essas pessoas ofereçam alimentos de qualidade, obedecendo as normas sanitárias e assim atrair mais clientes. Ela afirmou ainda que as boas práticas exigidas vão desde a escolha da matéria-prima até a entrega do produto final para quem vai consumir.

Aparecida informou, por outro lado, que nessas reuniões, que terão prosseguimento na próxima segunda-feira, serão repassadas aos participantes todas as informações que dizem respeito às normas da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), respaldadas na lei federal 6437/77, que diz que toda pessoa que manipula alimento tem que ter qualificação profissional.
Vendedores ambulantes que possuem barracas de lanche na Praça do Amor passam por capacitação
Após as três reuniões os ambulantes vão receber adesivos para as barracas, junto com Certificados de Boas Práticas, pela participação e, a partir daí, serão visitados periodicamente em seus locais de trabalho, por fiscais da vigilância sanitária, que buscarão saber se todos estão trabalhando obedecendo as normas que estão sendo ensinadas.

Jornal da Parnaíba
Postar um comentário