quinta-feira, dezembro 14, 2017

Pessoas ligadas ao prefeito e vereadores de Bom Princípio eram beneficiadas em concurso público

Polícia Civil realiza operação contra fraude em concurso de Bom Princípio do Piauí; Pessoas ligadas ao prefeito e vereadores do município foram aprovados em concurso realizado em janeiro de 2017.
Policiais e membros do Ministério Público realizaram buscas e apreensão em residencias de Bom Princípio do Piauí. (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)
Entre as ações realizadas no âmbito da operação Polícia Civil 24h, que cumpre mandados em todo o Piauí, uma das maiores é a Operação Bons Princípios, que investigou fraudes em um concurso público realizado pela prefeitura do município de Bom Princípio do Piauí, a 333 km de Teresina. A prefeitura da cidade foi alvo de um dos mandados de busca e apreensão.

De acordo com o Ministério Público, pessoas ligadas ao prefeito e vereadores do município foram aprovados em um concurso promovido pela prefeitura de Bom Princípio em janeiro de 2017, e posteriormente nomeados. O concurso ofertou vagas para diversas áreas do serviço público da cidade.
Policiais realizaram busca e apreensão na prefeitura de Bom Princípio do Piauí. (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)
A operação buscar cumprir treze mandados de busca e apreensão na cidade e em Parnaíba, Luís Correia e Teresina. Cerca de 60 pessoas participaram da operação, entre Polícia Civil e membros do Tribunal de Contas do Estado, Controladoria Geral da União e Ministério Público.

Também foram constatadas irregularidades com relação à empresa responsável por realizar o concurso. De acordo com o Ministério Público, seria uma empresa de fachada, que não teria capacidade de realizar o certame.


A empresa também teria ofertado cursos de capacitação em municípios da região norte, também sem ter capacidade operacional para isso. Os cursos teriam sido custeados com recursos federais, estaduais e municipais.

Fonte: G1-PI | Edição: Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário