sábado, dezembro 30, 2017

Filas para atravessar a Ponte Simplício Dias passam de 2 km

Filas imensas tanto de um lado como do outro da Ponte Simplício Dias deixa o trânsito lento para quem se desloca para a praia da Pedra do Sal.
O motorista que passa pela Ponte Simplício Dias, com destino à Ilha de Santa Isabel, deve ter paciência. A falta de sinalização é um dos problemas enfrentados todos os dias para quem precisa da ponte para chegar de um lado para o outro.

Na tarde desta sexta-feira (29), além do motorista esperar cerca de 20 minutos para atravessar a ponte, os condutores ainda tiveram que enfrentar cerca 2 km de congestionamento.
Situação complicada para o cidadão parnaibano e turistas. No local a sinalização é precária, uma reforma que caminha a passos de tartaruga que não tem prazo para seu término, além de prejudicar o fluxo de turistas para a Praia da Pedra do Sal nas festas de fim de ano.

Para completar a interminável obra da PI 116 que liga Parnaíba a praia da Pedra do Sal, que já completou três anos de seu início, ainda falta fazer o alargamento de um pequeno trecho de aproximadamente 3 km na chegada da praia e a sinalização horizontal e vertical ao longo da rodovia também nunca foi implantada, tornando bastante perigosa para quem pretende se deslocar até a praia.

Se nem a estrada foi concluída imagine a urbanização da Orla Praia da Pedra do Sal! A obra prometida pelo governo do estado, com direito a maquetes, iria beneficiar não somente os turistas, como os moradores da região. A assinatura de convênio para urbanização da Orla da Praia da Pedra do Sal foi feita no início do ano de 2016 e contou com a presença do governador, deputados, prefeito e secretários, mas ficou só na promessa.




Jornal da Parnaíba com informações e fotos de Gleitowney Miranda
Postar um comentário