domingo, outubro 22, 2017

Batista Filho é reeleito presidente do Parnahyba Sport Clube

Por Teodoro Neto 

Após votação que teve início às 08h00 da manhã e término às 14h00 deste domingo (22), para a votação do conselho deliberativo no CT Petrônio Portela, que decidiria a nova diretoria do Parnayhba Sport Clube, o atual presidente Batista Filho foi reeleito para dirigir o Clube no biênio 2018/2019.

A chapa reeleita, denominada Chapa 02, obteve 65 votos do conselho, enquanto a oposição, Chapa 01, que tinha como candidato o ex-atleta e presidente do Parnahyba Gringo, obteve 42 votos do conselho.

Com a reeleição Batista afirmou que espera agora o apoio do poder público e privado para fazer uma boa gestão nos próximos anos.
Petrarca Alelaf e Leony Veras representava a chapa de oposição (Foto: José Wilson / Jornal da Parnaíba
"Precisamos do apoio da Prefeitura, do Governo do Estado, dos Vereadores, dos Deputados, dos empresários e de todos os que realmente querem ajudar. Não podemos recusar apoio de ninguém, o Parnahyba vai além de partidarismo", disse o presidente reeleito.

Batista assumiu o Parnahyba em janeiro de 2014, sucedendo a gestão de José Lima, quando foi diretor de futebol. Se reelegeu em 2015 e agora novamente, indo para o seu terceiro mandato à frente do clube do litoral.

Propostas de Batista Filho para o biênio 2018/2019
- Contratar um profissional para captar recursos para o clube, realizando eventos, encontros com empresários em busca de patrocínios.

- Contratar um profissional para fortalecer o programa sócio-torcedor e anistiar os que estão em débito, além de lançar uma proposta para pagamento por cartão de crédito. Será realizada uma grande festa de lançamento para que os torcedores entendam a importância deles no clube.

- Organizar e nomear todos os cargos da diretoria, dando suporte, liberdade e autonomia para todos. Cobrar relatórios desses diretores.

- Departamento de futebol será separado da base, tendo como meta principal o título do Piauiense 2018 e vaga nas disputas nacionais, com bom ranking em busca do acesso.No departamento amador, a meta é conquistar o sub-19 e vaga na Copa São Paulo de Futebol Júnior, além da criação de mais duas ou três categorias de base (sub11, sub 13 e sub15).

- Recadastramento de todos os sócios-patrimoniais e, de acordo com o estatuto, definir uma taxa mensal.

- Criar uma assessoria de imprensa para divulgação das ações do clube e ajudar no programa de sócio-torcedor.

- Fazer uma reunião, em dezembro, para apresentar toda a diretoria aos torcedores e convidá-los para debaterem o planejamento.

- Apresentar a prestação de contas para que todos tenham conhecimento de que é recebido pelo clube, destacando que possuia uma dívida de R$500.000, três meses de salários atrasados e várias ações na Justiça, para atualmente, viver um momento ímpar, com as contas controladas e com recursos à receber.

Da redação do Jornal da Parnaíba
Postar um comentário