sábado, julho 01, 2017

Perícia aponta causas de acidente que deixou cinco mortos em Cocal

O grave acidente foi registrado por volta das 6h30min dessa quinta-feira (29/06) na PI-213, rodovia estadual que interliga o município piauiense de Cocal ao estado do Ceará. Na tragédia, cinco pessoas morreram e seis ficaram feridos.

Segundo a polícia, quatro das vítimas fatais estavam em uma caminhonete modelo D20 utilizada como “pau de arara”, transporte irregular de passageiros bastante utilizado na região nordeste do Brasil. O outro óbito do acidente conduzia uma motocicleta no sentido contrário da rodovia e acabou sendo colhido pelo outro veículo que teria saído da pista desgovernado após um pneu ter estourado.

As seis pessoas que ficaram feridas no acidente foram encaminhadas para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA) em Parnaíba, litoral do Piauí. Uma das sobreviventes conversou com o repórter Kairo Amaral e contou detalhes da tragédia. (REPORTAGEM ABAIXO). Ela é mãe do motorista da D 20 e estava juntamente com o filho dentro da cabine. Uma terceira pessoa que também estava na “boléia”, não resistiu e morreu no local.
O condutor da caminhonete identificado como Marciel de Sousa Moraes, de 24 anos, deverá ser indiciado por homicídio. Ele recebeu alta hospitalar na manhã desta sexta-feira (30) e retornou para o povoado Serra do Arco, zona rural de Cocal, onde ele reside.

Após o grave acidente, os peritos criminais do Instituto de Criminalística de Parnaíba, Frederico Augusto e Cristiano César, foram acionados para o local e realizaram um trabalho de levantamento que durou cerca de cinco horas. As causas do acidente foram explanadas ao vivo durante o Jornal Agora desta sexta-feira (30). Assista no vídeo acima.

Por Kairo Amaral/Meio Norte | Edição:  Jornal da Parnaíba
Postar um comentário