quinta-feira, abril 13, 2017

Golfinho encalhado na Praia do Coqueiro é salvo: incrível!

Salvamento de golfinho encalhado na praia do Coqueiro no litoral piauiense.


Golfinho encalha na Praia do Coqueiro, litoral do Piauí
(Crédito: Divulgação)
Um golfinho encalhou no fim desta tarde de quinta-feira na Praia do Coqueiro, município de Luís Correia, litoral do Piauí, Meio-Norte do Brasil. O cetáceo pesava entre 100 a 110 kg e deveria ter cerca de 150 cm. Sua cor, azul intenso, parecia preta por conta da baixa luminosidade. O animal foi levado para um local afastado dos banhistas e, com o apoio de um voluntário veterinário, salvo de afogamento. Antes de ser devolvido ao mar, o golfinho sossegou em uma lagoinha natural em um local não revelado.  

Golfinhos são mamíferos, respiram o ar por pulmões. Em casos como esse devem ser hidratados e mantidos calmos até poderem voltar ao mar. Recomenda-se avisar de imediato às autoridades ambientais. e poupar o animal de mais estresse do que já está passando.

Várias hipóteses explicam os encalhes de golfinhos. As causas vão desde problemas fisiológicos nos próprios animais, o que pode prejudicar seu senso de orientação, até interferências provocadas pelo meio ambiente.

Enigma marinho
Especialistas apontam sete prováveis razões para esses incidentes
PROBLEMAS INDIVIDUAIS…
1. Fuga de predadores
2. Perseguição a presas perto da costa
3. Doenças diversas
4. Distúrbios de localização em águas rasas

… E AMBIENTAIS
5. Interferência geomagnética, que provoca erros de navegação
6. Condições dos mares e do relevo submarino complexas
7. Condições meteorológicas adversas
Fonte: Centro de Estudos sobre Encalhes de Mamíferos Marinhos (CEEMAM)


Por Acide Filho/MN | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário