quarta-feira, março 22, 2017

Sistema FIEPI realiza oficina de relacionamentos para gestores

A oficina está aplicando uma metodologia que alcança vários aspectos importante para o Sistema FIEPI, nos municípios de Picos e Parnaíba.

Reunidos na tarde desta terça-feira (21), técnicos do Serviço Social da Indústria (SESI) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) do Piauí, participaram de uma capacitação com o objetivo de fortalecer o relacionamento com os segmentos da indústria que são atendidos pelas Unidades. O encontro foi realizado no Centro de Formação Profissional Jose de Moraes Correia, em Parnaíba, e prossegue nesta quarta, dando continuidade ao cronograma proposto para Parnaíba.

A oficina está sob a responsabilidade dos facilitadores Elisane Melo, coordenadora de educação do SESI e Raimundo Fontenelle, da assessoria de relações com o mercado, do SENAI, unidade de Teresina.


Entre os objetivos do programa, será feito um mapeamento das informações sobre indústrias ativas nas cidades de Parnaíba e Picos, afim de identificar os pontos comuns entre os serviços que estão sendo utilizados pelos clientes, buscando estreitar o relacionamento e a parceria entre as partes.

Segundo Raimundo Jose, a equipe técnica receberá orientações de como fortalecer a articulação com empresas que já são atendidos pelo Sistema FIEPI, observando os seguintes aspectos: construir uma relação de confiança, aproximar o cliente das instituições, e ainda, compreender e corresponder às necessidades de cada empresa atendida.

“A partir dessa rede de relacionamento, a Fiepi terá ferramentas para expandir a força da marca junto ao nosso público de interesse”, declarou o analista de mercado do SENAI.

A régua é um instrumento que utiliza aspectos pontuais do diagnóstico cliente-empresa. Funciona desde o nível de conhecimento do cliente em relação a instituição, até passar a usar um serviço ou produto, e retornar a utilizar os serviços ofertados. Assim, identifica os pontos de contato com o público de interesse, podendo a partir daí, planejar as estratégias para explorar esses pontos.


Por Monica Pessoa | Edição: Jornal da Parnaíba
Postar um comentário