sábado, dezembro 17, 2016

Dona de casa recebe doação de medicamento negado pelo município

Sensibilizado com notícia no Blog do Pessoa, farmacêutico encontra solução para doar medicamento a dona de casa de remédio negado pelo município.
Ao ler no Blog do Pessoa a matéria “Justiça determina que município conceda remédio no valor de R$ 1.780,00 para dona de casa”, o profissional responsável pela farmácia da Clínica Dr. João Silva Filho, o farmacêutico Sebastião Tribuizi, se sensibilizou com o caso da dona Domingas Cardozo e foi em busca de uma solução. Como no depósito da farmácia tinha disponível uma dose do genérico do remédio Aclasta, que dona Domingas necessitava tomar imediatamente para continuar vivendo e que os profissionais não iriam usar, ele conversou com o proprietário da clínica que prontamente autorizou a doação.

Tribuizi entrou em contato com o vereador Carlson Pessoa e ontem (15), finalmente o remédio foi injetado na dona Domingas. “Para nós da clínica é um imenso prazer poder ajudar a dona Domingas. Ela não precisou ir pra Teresina e teve o remédio injetado aqui mesmo”, disse Tribuizi.
Dona Domingas sofre de um tipo raro de osteoporose severa e esofagopatia grave e que precisava tomar o remédio Aclasta, no valor de R$ 1.780,00 ao mês. Sem a mínima condição de arcar com o tratamento, ela travou uma longa batalha junto a Secretaria Municipal de Parnaíba para conseguir o fármaco, no entanto, o direito lhe foi negado. Diante da recusa, no mês passado dona Domingas procurou o vereador Carlson Pessoa (PPS) que devido o iminente risco de morte que a paciente corria sem tomar a medicação, acionou imediatamente sua assessoria jurídica, por meio do advogado Daniel Nogueira que entrou com uma ação na Justiça. A decisão foi deferida no dia 02 de dezembro favorável a dona de casa.
Por Luzia Paula/Ascom | Blog do Pessoa
Postar um comentário