segunda-feira, outubro 24, 2016

Por ciúmes da esposa pai mata filhos em Araioses depois morre de descarga elétrica

Segundo informações, o filho biológico de dois anos morreu no local e o de cinco anos, foi encaminhado ao hospital, mas não resistiu, o terceiro escapou escondido em baixo da cama.
Paulo James da Silva era conhecido como “Nego da Amélia”
Segundo informações preliminares, a mulher do suspeito, Paulo James da Silva, conhecido como “Nego da Amélia”, estava em uma seresta, no povoado Malvinas bebendo e dançando com outros homens, quando o homem chegou querendo satisfações sobre o que estava acontecendo, ameaçando matar os seus filhos, e ela (mulher dele) com raiva, o agrediu, sem acreditar no que ele dizia. A mulher continuou na festa enquanto o seu marido saiu, se dirigindo à casa do casal.

“Nêgo da Amélia”, após discutir com a esposa na seresta, voltou para casa e tentou contra a vida dos 3 filhos. Matou o menor, seu filho biológico de 2 anos, enquanto este dormia numa rede, esfaqueou o maior, de 9 anos que era seu filho adotivo, que correu com a faca encravada nas costas, o que acabou evitando que matasse o outro filho biológico de 7 anos, que correu para debaixo da cama. O filho adotivo de 9 anos ferido nas costas foi atendido, mas não resistiu.

Logo após, James entrou em um matagal, mas a polícia foi mais ágil e felizmente conseguiu capturá-lo, entretanto, na fuga ele tentou se esconder na subestação de energia e recebeu uma forte descarga elétrica, vindo a falecer horas depois no hospital Dirceu, em Parnaíba.

A cidade ficou revoltada. Em todas as ruas este é o único assunto comentado pelas pessoas. Alguns vieram ao distrito policial pensando que o homem estava detido, mais tinha sido encaminhado para o HEDA em Parnaíba onde faleceu em decorrência do choque.

Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Favor assinar o blog com nome e e-mail.