sexta-feira, outubro 07, 2016

Florentino Neto cairá no ostracismo

Hoje, Florentino Neto ainda é o prefeito de Parnaíba. Ainda deve ter uma meia dúzia de pessoas que vão ao seu gabinete fazer média para ver se garantem seus salários até dezembro. Só para isso, que ninguém se engane.

De janeiro de 2017 em diante, o petista, sem cargo nas mãos para distribuir graciosamente, vai sentir o sabor do ostracismo. Para muitos, o petista virou a cara e não quis atendê-los na prefeitura, achando que passaria a vida toda trancando dentro da sala climatizada da Itaúna. Ingênuo. Deslumbrou-se com o poder. Sofreu a síndrome de Napoleão, quando pensou ter tudo e todos. Mas, o tempo passou. E, agora, a quantidade de amigos e subservientes vai diminuir gigantescamente.

Não levará mais de três semanas para ele perceber isso. Quando ele virar para um lado e para outro, notará que colheu apenas o que tanto plantou, e sem ninguém para aplaudi-lo irá perceber que as luzes do teatro se apagaram e as cortinas do palco se fecharam. Sem um pingo de simpatia e nem brilho próprio, um verdadeiro jabuti colocado em cima da árvore pelo deputado José Hamilton, outro que está dormindo de orelha ardendo com a derrota de sua cria, o prefeito derrotado vai ser mais um a vagar por Parnaíba sem ser notado. Triste fim para quem se achava o dono da Parnaíba.

Da redação do Jornal da Parnaíba

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Favor assinar o blog com nome e e-mail.